Stock Car – Comentários de sábado – Velopark 2019

Felipe Fraga

Felipe Fraga P2: Estou feliz por esse resultado aqui no Velopark. A equipe está muito bem faz mais de quatro corridas e eu estou me sentindo muito bem no carro. Faltou apenas 0s005 hoje para a pole, mas estou contente por finalizar a classificação sem problemas. A equipe tem um carro muito rápido e vamos continuar trabalhando. A diferença para o vencedor da Corrida do Milhão foi muito pequena, então estaremos na briga pela vitória amanhã.

Gabriel Casagrande, P3: Nós fomos muito rápidos em todos os treinos hoje. Lideremos o treino livre, ficamos em segundo no Q2 e conseguimos manter um bom acerto para o Q3. Faltou acertar apenas o terceiro trecho para conseguir a pole, mas estou bem empolgado para lutar pelo pódio e pela vitória amanhã. Foi uma diferença muito pequena mesmo, mas temos tudo para fazer duas boas provas amanhã e conseguir pontos importantes para seguir subindo no campeonato. Vamos trabalhar para aproveitar essa boa oportunidade de disputar bem as duas provas.

Ricardo Zonta, P6: Trabalhamos bastante para melhorar o carro, principalmente nas curvas de média velocidade, mas não conseguimos a aderência para brigar pelas três primeiras posições. Mantivemos o primeiro setor como o mais rápido no Q3 e isso é bom, porque mostra que trabalhamos bastante e conseguimos evoluir. A posição é boa, largar entre os seis e ir para o Q3 mostra que estamos entrosados. É uma corrida de 80 e poucas voltas somando as duas corridas, então o carro tem de ser durável e constante. É fácil ter acidente com a chicane móvel, se mexer muito vão dar safety car e vai agrupar tudo de novo.

Rubens Barrichello, P7: Este sétimo lugar é um grande prêmio para quem estava ontem sofrendo com todos os problemas que tivemos, especialmente nos freios. Então, foi uma evolução grande em uma pista onde os tempos estão muito parecidos. Estou feliz, acho que estamos na briga largando desta colocação.

Cacá Bueno, P8: É bom largar nas primeiras filas, mas com certeza nós poderíamos conseguir um lugar entre o terceiro e quinto do grid. Nós tínhamos um carro para largar um pouco mais à frente, mas amanhã tem muita coisa para acontecer e estamos numa posição boa para brigar pelas primeiras colocações nas duas corridas. O desgaste de pneus aqui está baixo, então os primeiros vão brigar bem nas duas provas. Vamos lutar por bons pontos.

Átila Abreu, P11: Um fim de semana complicado. Começamos com falta de performance, mas fomos evoluindo o carro e hoje melhorou bastante. No Q1 fomos um pouquinho a mais no acerto quanto deveria, até pensando na temperatura de pista, pois não esquentou o que prevíamos. O carro não estava bala do jeito que gostaríamos, mas competitivo. Largar entre os seis seria a meta. Depois que deu a bandeira vermelha no Q1, já tinha um tempo que daria para entrar, mas virei um tempo parecido do que eu tinha. Depois da bandeirada, tirei o pé para economizar combustível, um outro competidor a troco de nada jogou o carro para cima de mim quando eu já estava virando. Isso acabou desalinhando o carro e comprometeu o meu Q2, mas ainda assim terminei em 11º.

Denis Navarro, P12: Foi o melhor qualy do ano, a equipe fez trabalho fantástico, para Interlagos conseguiram entender bem o carro, estava o final de semana inteiro competitivo, então aqui no Velopark chegamos bem, e largando em décimo segundo acredito que temos muitas chances nas duas corridas de pontuar bem e tentar atrair mais um pódio.

Valdeno Brito, P14: Hoje de manhã conseguimos solucionar um problema complicado no carro e fiz um bom Q1. Passei em sétimo, que é uma boa posição, mas rodei na pista. Logo depois que larguei para o Q2 comecei a ouvir muito barulho da brita no carro, acredito que alguma coisa acabou sendo prejudicada devido à rodada. Mas nós temos carro bom para chegar entre os dez primeiros na primeira corrida e brigar por bons pontos neste domingo.

Julio Campos, P16: Foi um classificatório decepcionante, me atrapalharam nas duas voltas rápidas e tive apenas a última volta para tentar o melhor tempo e não deu para recuperar. Uma pena. Agora é brigar para ganhar a segunda corrida.

Marcel Coletta, P17: Ficamos a poucos centésimos de segundo para uma vaga no Q2, o que nos permitiria brigar por um lugar no top-10. Em todo caso, estou confiante em nosso bom ritmo de corrida para conseguir ficar entre os dez primeiros na rodada dupla deste domingo. Nosso ritmo de prova costuma ser muito bom, acima até de nossa performance no classificatório, então acredito que podemos brigar nas duas etapas do domingo, porque o desgaste de pneus não é tão acentuado aqui no Velopark

Nelsinho Piquet, P18: Como já imaginávamos e sempre acontece nesta pista, o grid foi definido nos detalhes. Infelizmente, não repetimos a performance dos treinos livres no classificatório, principalmente com relação ao desempenho dos freios. Temos de trabalhar para melhorar o carro para as corridas e buscar a recuperação nas provas deste domingo.

Gaetano di Mauro, P19: A classificação não foi boa, não conseguimos nos encaixar durante o fim de semana, e temos muito a procurar para ver o que poderemos melhorar para amanhã. Vai ser difícil, mas vamos fazer o melhor para levar o máximo possível de pontos para casa.

Galid Osman, P24: Estávamos um pouco mais animados após o treino da manhã, tínhamos dado uma evoluída, mas mexemos no carro para a tarde e fomos por um caminho errado, com o freio bloqueando muito. Infelizmente vamos largar lá de trás, mas vamos fazer boas corridas.

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.