F1 – Vettel retornou ao pódio por uma “questão de respeito”

Pódio do GP do Canadá

Sebastian Vettel não queria participar da cerimônia do pódio no GP do Canadá, mas mudou de ideia por uma “questão de respeito” pela Mercedes e por seu companheiro de equipe Charles Leclerc.

Furioso por perder sua primeira vitória da temporada por causa de uma punição de cinco segundos devido a um incidente com Lewis Hamilton, Vettel decidiu não parar seu carro na área usual para os três primeiros colocados e foi diretamente para a unidade de hospitalidade da Ferrari no paddock.

Ele retornou e se juntou a Hamilton e Leclerc no pódio, mas não antes de colocar a placa de segundo colocado diante do carro de Hamilton e a de primeiro no espaço vazio onde sua Ferrari deveria estar.

Explicando esses momentos após a prova, Vettel disse: “Eu parei o carro em um parque fechado diferente, aquele que não é para os três primeiros, e então fui para a pesagem”.

“Naquele ponto, eu realmente não queria participar de nada que aconteceria depois. Eu estava de cabeça quente, obviamente furioso e desapontado, mas acredito que todos entendem por que”.

“Acho que fazer parte do pódio foi uma questão de mostrar respeito a Lewis, Charles e também à representante da Mercedes (Marga Torres, engenheira da unidade de potência de Hamilton)”.

“Certamente, não era o lugar onde eu queria estar porque, naquele ponto, você só quer ir embora. Estar aqui (na conferência de imprensa) não é meu livre arbítrio, mas eu sou obrigado a isso”.

 

LS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.