Stock Car – Valdeno briga pela vitória, mas parada extra tira sua chance

domingo, 15 de dezembro de 2013 às 16:29

Valdeno Brito

A Corrida do Milhão, disputada hoje, em Interlagos, foi uma das mais emocionantes da Stock Car nos últimos anos, com quatro pilotos brigando pela vitória – e três pelo título -até a última curva. E por pouco não foram cinco pilotos, já que Valdeno Brito, da equipe Shell Racing, também lutou pela vitória em boa parte da prova.

O primeiro vencedor da Corrida do Milhão (em 2008) estava na quinta colocação quando fez o pit stop no reabastecimento obrigatório. Um problema na parada, no entanto, fez com que o paraibano tivesse que voltar aos boxes para verificação dos comissários.

“Infelizmente tivemos uma falha na parada que nos custou a chance de vitória na Corrida do Milhão. A equipe sinalizou que eu poderia sair e assim fiz, mas o tanque acabou ficando preso ao bocal localizado no carro. Mesmo ele caindo logo depois do carro, sem afetar nada, tive que entrar para uma verificação, como prevê o regulamento. Foi uma pena, porque tínhamos condições de ficar entre os primeiros, andando num ritmo forte”, diz Valdeno.

Mesmo com a parada extra, o piloto da Shell Racing ainda conseguiu recuperar diversas posições e terminar na 11a colocação, terminando o ano na sexta posição entre os 34 pilotos, com 152 pontos. Na prova de hoje, todos os pilotos fizeram troca de pneu obrigatória, bem como parada para reabastecimento de Shell V-Power Etanol, fornecido pela Raízen a todos os carros da Stock Car.

“Faltou pouco para disputarmos o título, com os pontos perdidos em Brasília, e hoje lutamos pela vitória na Corrida no Milhão até o problema na parada, mas o importante é ter a sequência de uma equipe vitoriosa pela segunda temporada seguida e em 2014 temos a perspectiva de estar sempre lutando pelo primeiro lugar”, diz Valdeno.

Este também é o pensamento de Rodolpho Mattheis, chefe da equipe Shell Racing na Stock Car. “Teríamos plenas condições de lutar pela vitória nesta corrida bem especial. Infelizmente houve o problema em nosso pit que nos custou muito tempo, ainda mais em uma corrida de 50 minutos e sem Safety Car”, diz Rodolpho.

O RESULTADO FINAL EM INTERLAGOS
1 – Ricardo Zonta – BMC Racing – Chevrolet – 30 voltas em 51min46.059 –
2 – Ricardo Mauricio – Eurofarma RC – Chevrolet – a 0s.707
3 – Cacá Bueno – RBR – Chevrolet – a 1s536
4 – Allam Khodair – Vogel Motorsport – Chevrolet – a 1s688
5 – Max Wilson – Eurofarma RC – Chevrolet – a 4s458
6 – Thiago Camilo – Ipiranga-RCM – Chevrolet – a 4s698
7 – Nonô Figueiredo – Mobil Super Pioneer Racing – Chevrolet – a 4s813
8 – Luciano Burti – Boettger Competições – Peugeot – a 15s715
9 – Rubens Barrichello – Medley Full Time Competições – Chevrolet – a 18.782
10 – Átila Abreu – Mobil Super Pioneer Racing – Chevrolet – a 18s797
11 – Valdeno Brito – Shell Racing – Peugeot – a 23s636
12 – Ricardo Sperafico – Officer ProGP – Chevrolet – a 26s104
13 – Lico Kaesemodel – Boettger Competições – Peugeot – a 31s111
14 – Denis Navarro – Voxx Racing Team – Peugeot – a 32s645
15 – Bruno Senna – Raízen Racing – Peugeot – a 35s056
16 – Felipe Lapenna – Hanier Racing – Peugeot – a 36s910
17 – Duda Pamplona – Officer ProGP – Chevrolet – a 39s693
18 – Rafa Matos – Hot Car Competições – Chevrolet – a 46s148
19 – Rodrigo Sperafico – Prati-Mico’s Racing – Peugeot – a 55s653
20 – Fabio Fogaça – Vogel Motorsport – Chevrolet – a 1min09s534
21 – Alceu Feldmann – Full Time Competições – Chevrolet – a 1min10s688
22 – Popó Bueno – Shell Racing – Peugeot – a 1min13s137
23 – Lucas Foresti – RC3 Bassani – Peugeot – a 1min15s752
24 – David Muffato – Carlos Alves Competições – Peugeot – a 1min19s347
25 – Rodrigo Pimenta – Gramacho Competições – Peugeot – a 1min24s602
26 – Vitor Genz – Gramacho Competições – Peugeot – a 1min37s893
27 – Beto Cavaleiro – Hanier Racing – Peugeot – a 3 voltas
28 – Tuka Rocha – BMC Racing – Chevrolet – a 3 voltas
29 – Marcos Gomes – Carlos Alves Competições – Peugeot – a 10 volta.
30 – Diego Nunes – RC3 Bassani – Peugeot – a 10 voltas
31 – Galid Osman – Ipiranga-RCM – Chevrolet – a 10 voltas
32 – Daniel Serra – RBR – Chevrolet – a 22 voltas
33 – Julio Campos – Prati-Mico’s Racing – Peugeot – a 25 voltas
34 – Wellington Justino – Hot Car Competições – Chevrolet – a 27 voltas
35 – Sergio Jimenez – Voxx Racing Team – Peugeot – a 29 voltas

CLASSIFICAÇÃO DO CAMPEONATO
1 – Ricardo Maurício – 218
2 – Thiago Camilo – 215
3 – Cacá Bueno – 196
4 – Daniel Serra – 181
5 – Max Wilson – 163
6 – Valdeno Brito – 152
7 – Ricardo Zonta – 144
8 – Rubens Barrichello – 118
9 – Sérgio Jimenez – 107
10 – Marcos Gomes – 102
11 – Átila Abreu – 97
12 – Luciano Burti – 92
13 – Nonô Figueiredo – 84
14 – Rafa Matos – 84
15 – Allam Khodair – 78
16 – Tuka Rocha – 73
17 – Diego Nunes – 71
18 – Julio Campos – 67
19 – Galid Osman – 64
20 – Denis Navarro – 63
21 – Ricardo Sperafico – 54
22 – Lico Kaesemodel – 54
23 – Rodrigo Sperafico – 53
24 – Duda Pamplona – 53
25 – Popó Bueno – 49
26 – Fábio Fogaça – 41
27 – Alceu Feldmann – 28
28 – Felipe Lapenna – 27
29 – David Muffato – 25
30 – Vitor Genz – 16
31 – Rodrigo Pimenta – 13
32 – Wellington Justino – 8
33 – Gabriel Casagrande – 3
34 – Beto Cavaleiro – 2

Resultado do campeonato de equipes
1. Eurofarma 381
2. Red Bull 377
3. RCM 279
4. BMC 217
5. Shell Racing 213
6. Mobil Super Pioneer 181
7. Voxx Racing 170
8. Boetiger 146
9. Full Time 144
10. Carlos Alves 127

EB - www.autoracing.com.br

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.