Stock Car – “Push-to-pass” e classificação são alterados para Ribeirão Preto

sexta-feira, 18 de maio de 2012 às 20:51

stock12-zonta rosto-350A Comissão Técnica da Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA) oficializou nesta sexta-feira alterações no “push-to-pass” e no sistema de classificação da Copa Caixa Stock Car para a etapa deste fim de semana, que acontece nas ruas de Ribeirão Preto. Para a prova no interior paulista, foi instituído o número de 12 ativações. Esta quantidade varia de pista para pista, de acordo com as características de cada traçado; na chamada Capital Nacional do Agronegócio, cada uma dessas ativações terá a duração de 12 segundos nos 40 minutos de disputa.

No entanto, a grande dúvida persiste sobre o uso do botão de ultrapassagem para a tomada de tempos. De acordo com o regulamento particular, quem optar pelo sistema na classificação terá direito a seis acionamentos de apenas um segundo cada, sem atraso no espaço entre o acionamento e a injeção da potência extra no motor. E o intervalo de ativações no treino será de 80 segundos, contra 60 na corrida.

Em Ribeirão, a abertura da borboleta do motor será de 55% em trabalhos normais e 80% quando o ‘push’ estiver ativado. Este pequeno detalhe contará muito na hora de as equipes definirem suas estratégias, segundo Popó Bueno, do Linea Sucralose Racing Team. “Em outras pistas, a abertura é de 65% normalmente e 100% com o ‘push’. Antes de qualquer decisão, o telemetrista tem de tentar calcular qual é a vantagem de tempo que esse segundo de acionamento dará. Teoricamente, um segundo ninguém vai usar, pois não vale a pena perder seis acionamentos na corrida.”

“A minha opinião é: se é para ter um segundo, que não se tenha nenhum, pois não faz sentido. Mesmo assim, todas as contas precisam ser feitas, mas um segundo não é nada. Estão tentando fazer de uma maneira que ninguém use na classificação”, opina. “No Velopark, três segundos de ativação tiveram um ganho de dois décimos na volta. Seis ‘push’, teoricamente, são cinco posições na corrida, pois uma ativação pode não dar certo. Temos de ver se esse segundo dará cinco posições no grid na classificação”, acrescenta o ex-piloto de Fórmula 1 Ricardo Zonta, parceiro de Popó.

De acordo com o regulamento, todas as equipes e carros devem obrigatoriamente informar entre 10h e 10h20 (de Brasília) deste sábado, logo após a primeira sessão de treinos, para a Comissão Técnica da CBA se utilizarão ou não o sistema no treino classificatório, que acontece às 15h, em um formato diferente do tradicional: cada piloto terá direito a uma volta de aquecimento e duas cronometradas; a ordem dos pilotos observará a classificação do campeonato até a terceira etapa, de forma invertida. A terceira etapa da Copa Caixa Stock Car está marcada para as 9h30 (de Brasília) do domingo, com transmissão ao vivo da Rede Globo.

EB – www.autoracing.com.br

Tags
,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.