Stock Car – Antonio Pizzonia ganha 18 posições em Interlagos

domingo, 7 de agosto de 2011 às 18:22

O paulista Thiago Camilo saiu do autódromo de Interlagos, neste domingo, com o prêmio de um milhão de reais oferecido pela Stock Car ao vencedor da sétima etapa do campeonato 2011, a Corrida do Milhão. Mas entre os destaques da prova pode ser incluído, também, o nome de Antonio Pizzonia, ex-piloto das equipes Jaguar e Williams de Fórmula 1, que disputou a corrida pela equipe BVA-Scuderia 111.

Depois de um treino de classificação difícil para o time, que ficou apenas com a 26ª e 28ª posições do grid – respectivamente com Alan Hellmeister e Pizzonia – o amazonense conseguiu recuperar 18 posições e terminou a prova em décimo. O resultado recolocou a BVA-Scuderia 111 na briga por pontos no campeonato e comprovou a força do time que retorna à categoria principal da Stock Car depois de um ano vitorioso na divisão de acesso, a Copa Montana.

“O resultado da corrida compensou todas as dificuldades que tivemos na sexta-feira e no sábado. Usei minha experiência para ganhar posições no começo da corrida, e depois para poupar os pneus e ter o carro em uma condição boa no final”, comentou Pizzonia. “Nas últimas voltas eu estava em um pelotão de carros muito próximos e, talvez, até pudesse ter ganhado mais algumas posições. Mas precisei evitar o uso do push-to-pass por algum tempo para economizar combustível”, completou o amazonense.

Da 13ª fila do grid de largada, Alan Hellmeister também recuperou terreno junto com o companheiro de equipe, mas perdeu tempo por conta de um problema no pit-stop e acabou na 21ª posição.

“Nosso ritmo de corrida foi bom. Eu tinha um carro bem constante e estava acompanhando o Antonio (Pizzonia) até o momento do pit-stop. Mas tivemos um problema na troca de um dos pneus traseiros e perdi muito tempo parado no box. Mas o resultado do Antonio colocou o time onde deveríamos estar de fato, que é brigando entre os 12 ou 15 melhores da categoria. Considerando os problemas que tivemos na classificação, foi um bom resultado para o final de semana”, avaliou Hellmeister.

A Corrida do Milhão foi mais longa que as demais provas de Stock Car e teve um total de 36 voltas. Quem começou na frente foi Daniel Serra, que logo na largada superou o pole-position, Marcos Gomes. Mas a decisão da prova aconteceu na metade das voltas, logo após as paradas de box. Daniel Serra fez seu pit-stop na 17ª passagem, enquanto Thiago Camilo e Cacá Bueno permanceram na pista para entrar nos boxes na volta seguinte.

Depois de sua parada, Thiago Camilo voltou à pista em segundo e logo fez a ultrapassagem sobre Daniel Serra para assumir a liderança – e nela ficar até a bandeirada final, comemorando sua segunda vitória no ano e o prêmio de um milhão de reais. Daniel Serra ficou em segundo e Max Wilson, em terceiro. Cacá Bueno abandonou a três voltas do fim.

EB – www.autoracing.com.br

Tags
,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.