F1 – Wolff: Novos donos da Force India precisam de carteiras recheadas

segunda-feira, 30 de julho de 2018 às 12:04

Force India

Toto Wolff diz que há “muitos potenciais compradores” para a Force India, pessoas com carteiras recheadas e uma compreensão de quanto custa ter uma equipe de Fórmula 1 com sucesso.

Na semana passada, a Force India entrou em falência, um processo desencadeado por Sergio Perez, entre outros.

Uma dessas partes era a Mercedes, que supostamente devia receber cerca de 9 milhões de libras.

O administrador do FRP Advisory está empenhado em garantir que isso permaneça “comercial como sempre” durante todo o processo de falência, à medida que busca um novo proprietário para a equipe.

Wolff acha que eles encontrarão um, pois há muitos interessados em comprar a equipe.

“Antes de tudo, o crédito deve ser dado a Vijay [Mallya] por 10 anos ou mais de financiamento da equipe”, disse ele ao site Autosport.

“E ter sido não apenas um acionista – o principal acionista da equipe -, mas também ter tido o entusiasmo de apoiar a equipe e financiá-la”.

“Obviamente, as coisas se tornaram mais difíceis para ele e isso afetou a equipe”.

“Agora que o processo foi iniciado pelo administrador, há muitos compradores em potencial com grande interesse, com carteiras recheadas, e com uma compreensão de que tipos de gastos são necessários para disputar a F1”.

Wolff revelou que a Mercedes, como fornecedora de motores da Force India, estará atenta aos procedimentos.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.