F1 – Vamos ver o que acontece em Xangai, diz Giovinazzi

terça-feira, 28 de março de 2017 às 14:33
Antonio Giovinazzi

Antonio Giovinazzi

Depois de ter impressionado em sua estreia na Fórmula 1, Antonio Giovinazzi diz que ficaria feliz em fazer outra corrida com a Sauber, mas admite que não é a sua função.

O terceiro piloto da Ferrari foi convocado para substituir Pascal Wehrlein antes do treino final de sábado em Melbourne.

Foi a estreia na F1 para Giovinazzi, que se classificou em 16º lugar, batido por pouco no Q2 pelo piloto regular da Sauber Marcus Ericsson.

O italiano conseguiu o 12º lugar no GP da Austrália de domingo.

“Meu objetivo era terminar a corrida porque as voltas que fiz foram realmente importantes para ter uma sensação com o carro, com os pneus e tudo mais”, disse ele à Crash.net.

“Estou contente com o desempenho, quero agradecer novamente à Scuderia Ferrari e à Sauber por esta oportunidade. Gostei muito desses dois dias”.

Com a condição de Wehrlein ainda incerta, continua a possibilidade de Giovinazzi pilotar novamente no GP da China.

Perguntado se ele ficaria feliz com isso, respondeu: “Sim, por que não? Mas Pascal é o piloto da Sauber, eu sou o terceiro piloto da Ferrari”.

“Eu estarei lá com a Ferrari, e depois veremos o que acontece em Xangai”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.