F1 – Grosjean admite que incidente foi culpa dele

segunda-feira, 8 de junho de 2015 às 17:30

Romain Grosjean

Romain Grosjean teve de se contentar com um ponto no GP do Canadá, apesar de uma forte presença da Lotus na classificação.

Grosjean largou da quinta posição no grid, mas uma corrida cheia de imprevistos, com destaque para uma colisão com o Manor de Will Stevens na volta 50, que obrigou o piloto da Lotus a fazer uma troca devido a um furo.

O incidente aconteceu quando Grosjean tentou dar uma volta em Stevens entrando na última chicane. Ele passou o Manor, mas retornou para o traçado de corrida muito cedo, fazendo com que seu pneu tocasse a asa dianteira do carro de Stevens.

Grosjean recebeu uma penalidade de 5 segundos pelos comissários. Eles decidiram que ele tinha “se movido desnecessariamente rápido para a esquerda assim causando uma colisão”. Felizmente, isto não teve qualquer efeito sobre a sua posição final.

Depois de inicialmente reclamar com a equipe pelo rádio, o francês admitiu, após a corrida, que o incidente foi culpa dele.

“Pode ser difícil com o tráfego aqui e estavam me segurando várias vezes, mesmo quando havia bandeiras azuis”, ele disse: “Eu pensei que tinha passado o Manor, mas logo ficou claro que não tinha. Foi minha culpa inteiramente e peço desculpas por isso. Você nunca para de aprender como piloto”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.