F1 – Brawn: Estratégia da Mercedes custou caro

terça-feira, 17 de abril de 2018 às 12:02

Ross Brawn

O ex-chefe da Mercedes, Ross Brawn, disse que a “abordagem mais rotineira” da fabricante alemã para a estratégia de corrida está prejudicando suas chances contra as rivais Red Bull e Ferrari.

O diretor esportivo da Fórmula 1 deu sua visão pós-corrida do GP da China elogiando a Red Bull por apostar em Max Verstappen e Daniel Ricciardo sob o carro de segurança, que valeu a pena com o piloto australiano conseguindo a vitória.

Enquanto Verstappen vacilou um pouco depois de colidir com Sebastian Vettel, Brawn aplaudiu o ataque final da Red Bull, mas sentiu que a Mercedes também teve uma oportunidade chave para a vitória, mas a perdeu com Lewis Hamilton.

Valtteri Bottas e Vettel foram os azarados líderes ao ultrapassar os pits no momento em que o safety car foi lançado, negando-lhes a chance de disputar, mas Hamilton teve a oportunidade de trocar por pneus novos apenas para a Mercedes manter o britânico fora para defender sua posição na pista.

“A Red Bull chamou os dois pilotos para uma segunda parada, com fila dupla, fazendo uma aposta, e as outras duas equipes que lutam pela liderança não estavam preparadas para isso”, disse Brawn. “Parece que nesta parte inicial da temporada a Mercedes está adotando uma abordagem mais rotineira quando se trata de administrar a corrida”.

“A Red Bull, por outro lado, parece ter uma abordagem mais flexível para o gerenciamento de corrida, e definitivamente ajuda tendo dois pilotos como Ricciardo e Verstappen que estão dispostos a aceitar e se adaptar à abordagem de pensamento rápido de sua equipe. Essa mentalidade definitivamente valeu a pena”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.