F1 – Apenas o nome é o mesmo na McLaren, diz de la Rosa

sexta-feira, 16 de junho de 2017 às 9:37
McLaren

McLaren

A “única coisa” que sobreviveu à mudança radical na McLaren nos últimos anos foi “o nome”.

Essa é a afirmação do antigo piloto de teste e reserva da equipe britânica Pedro de la Rosa.

Ele disse ao jornal AS: “Eu não conheço muito a McLaren atual. Ainda há pessoas fantásticas e ainda tenho amigos, mas 80% das pessoas com quem tive o privilégio de trabalhar na McLaren estão agora na Mercedes, Red Bull ou Ferrari”.

“Da McLaren hoje com a Honda, não posso dizer nada porque não conheço ninguém, mas o único que resta é o nome”, acrescentou.

De la Rosa, de 46 anos, conhece bem o piloto da McLaren Fernando Alonso, tendo também trabalhado com ele na Ferrari.

Quando perguntado se o seu compatriota espanhol cometeu um erro claro ao mudar para a McLaren-Honda em 2015, de la Rosa respondeu: “Essa é uma pergunta que só ele pode responder, e o conhecendo, algum dia ele irá”.

“Eu não sou ninguém para julgar, mas o que posso dizer é que ele teve que deixar a Ferrari. Se ele devia ir para a McLaren, não posso julgar, mas viver o que vivi na Ferrari era impossível para ambas as partes”.

“Não tenho ideia de onde Fernando pode ir e se a Ferrari é uma opção. Eu acho que é cedo para pensar sobre isso e ainda vejo Fernando focado no projeto McLaren-Honda”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.