F1 – Alonso: Mais ultrapassagens não significam corridas melhores

quinta-feira, 28 de abril de 2016 às 14:52
Fernando Alonso e Sebastian Vettel

Fernando Alonso e Sebastian Vettel

Fernando Alonso acredita que a Fórmula 1 seria melhor com menos ultrapassagens durante as corridas.

Em meio a temores de que as regras de 2017 farão as ultrapassagens mais difíceis, Alonso argumentou que isso pode não ser uma coisa ruim.

Ele deu o exemplo de sua batalha no GP de San Marino em 2005 com Michael Schumacher, quando a Ferrari subiu de 13º no grid, em grande parte graças à estratégia de paradas, para alcançar a Renault de Alonso e passar o último stint colado à sua traseira, mas incapaz de passar.

“Houve três ou quatro ultrapassagens em toda a corrida, e foi considerada uma das melhores”, disse Alonso sobre o evento em Imola, que ganhou por apenas 0,2 segundos.

“Então, não acho que é preciso colocar toda a atenção sobre a ultrapassagem, porque antes era tão difícil como é agora ou ainda mais e as corridas eram ótimas”.

Perguntado se ele se sentia já que o último GP na China proporcionou muitas ultrapassagens, Alonso respondeu: “A China é um caso extremo, porque a corrida foi muito confusa por causa das estratégias, do carro de segurança e tudo a tornou muito misturada”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.