Copa Montana – Chicane no café é a melhor solução, diz Pachenki

terça-feira, 2 de agosto de 2011 às 16:13

pachencki-2011A quinta etapa da Copa Chevrolet Montana 2011 terá neste domingo (7) a segunda apresentação da categoria no Autódromo José Carlos Pace. Foi na pista de São Paulo que o campeonato teve sua primeira etapa, marcada pelo acidente que tirou a vida do piloto Gustavo Sondermann na curva do Café. Desde então, as corridas nacionais em Interlagos têm acontecido com acionamento permanente da bandeira amarela naquele trecho da pista.

No mês passado, a chicane utilizada anos atrás nas provas do Mundial de Motovelocidade foi reformulada para uso no Brasileiro de Marcas. Problemas com a construção da zebra inviabilizaram a solução. Novas obras foram feitas no local desde então e a chicane será submetida a um novo teste na quinta-feira (4), em treinos extra-oficiais agendados especificamente para este fim. No caso da Copa Montana, será uma sessão de 20 minutos, a partir das 16h.

Atual campeão da categoria, o paranaense Diogo Pachenki manifesta sua posição favorável à adoção da chicane. “É um ponto perigoso da pista, e usar a chicane parece ser a melhor solução no momento, enquanto não temos uma área de escape eficiente naquele ponto da pista”, opina o piloto da Nascar Motorsport. “É melhor ter a chicane do que não ter, eu acredito que desta vez a construção da zebra tenha atendido o que os pilotos pediram”, ele diz.

Pachenki estará em São Paulo a partir da quarta-feira (3), já visando os preparativos para a corrida que vai abrir a reta decisiva do campeonato, composto por nove etapas. “Interlagos é uma pista onde sempre tenho uma boa chance de vitórias, meus melhores resultados foram conquistados lá. Ganhei a corrida no ano passado, e dessa vez vou para lá muito motivado, quero ganhar de novo”, avisa o piloto, que em 2010 venceu também a etapa final, em Curitiba.

Na atual temporada, Diogo Pachenki abriu sua campanha com um sexto lugar na corrida de Interlagos, venceu no Velopark, foi sétimo em Campo Grande depois de ser tirado da pista por outro piloto na primeira volta e voltou ao pódio no Rio de Janeiro com o terceiro lugar. Está na vice-liderança da Copa Montana com 55 pontos, 10 atrás do líder paulista Leandro Romera, que vem de dois segundos lugares e uma vitória nas três últimas corridas.

A programação de treinos oficiais em Interlagos terá início na sexta-feira (5). A prova de domingo terá largada às 13h, com transmissão ao vivo pela Rede TV! e pelo Speed Channel. A região de Cascavel, cidade do atual campeão, também poderá acompanhar pela transmissão ao vivo confirmada pela CATVE.

Depois de quatro corridas, a classificação da Copa Chevrolet Montana é a seguinte:

1º) Leandro Romera (SP/AMG-J. Star Racing), 65
2º) Diogo Pachenki (PR/Nascar Motorsport), 55
3º) Rafael Daniel (SP/Gramacho Racing), 53,5
4º) Thiago Riberi (SP/W2 Racing), 37,5
5º) Galid Osman (SP/Carlos Alves Competition), 32
6º) Sérgio Ramalho (PE/Nascar Motorsport), 30
7º) Norberto Gresse (SP/J. Star Racing), 26
7º) Christian Castro (RS/Mottin Racing), 26
9º) Marco Cozzi (SP/Racequip), 25
10º) Pedro Boesel (PR/Comprafacil.com), 21
11º) Marcelo Tomasoni (SP/Carlos Alves Competition), 20
11º) Wellington Justino (GO/Hot Car), 20
13º) Tiago Geronimi (SP/Hot Car), 12,5
14º) Fernando Fortes (SP/Racequip), 11,5
15º) Ítalo Silveira (MG/Bazzo Racing), 9
15º) Marcelo Cesquim (SP/Mottin Racing), 9
17º) Rodrigo Mello Pimenta (SP/Gramacho Racing), 7
18º) Duda Bana (PR/Racequip), 6
18º) Douglas Soares (SP/Gramacho Racing), 6
20º) Thiago Penido (SP/J. Star Racing), 5
20º) Cláudio Cantelli (PR/Bassan Motorsport), 5
22º) Carlos Kray (RS/CKR Racing), 3,5
23º) Tito Morestoni (SC/Motortech), 3
24º) Fábio Viscardi (SP/Petrópolis Motorsport), 2,5
25º) Beto Cavaleiro (SP/Hanier-Vogel), 1


FH – www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.