F1 – Steiner detona a desculpa de Sainz para o acidente do Canadá

Toro Rosso de Carlos Sainz

Toro Rosso de Carlos Sainz

O chefe da equipe Haas, Gunther Steiner, pensa que Carlos Sainz foi ridículo em por a culpa na visibilidade do espelho pelo acidente no GP do Canadá com Romain Grosjean e Felipe Massa.

Sainz entrou em confronto com Grosjean na primeira volta em Montreal, tendo colidido quando ele falhou em notar que o Haas estava ao lado de seu Toro Rosso na entrada para a curva 3 e 4.

Ele então colheu o Williams de Massa depois de chegar na curva de ré.

Sainz argumentou que Grosjean estava em um ponto cego e que a combinação do tamanho dos espelhos e as asas traseiras mais baixas dos projetos de 2017 produziu um problema de visibilidade.

Mas Steiner rejeitou essa explicação.

“Se ele sabia antes que são muito pequenos, deveriam ter mudado”, disse Steiner, sobre o espelho de Sainz. “Esse não é o nosso problema”.

“Se ele tem espelhos muito pequenos, é uma desculpa bastante absurda. Você não pode dizer ‘Oh, meus espelhos são muito pequenos e não consigo ver, mas continuo usando eles!'”

“É como se nós lhe damos óculos e você não pode ver com eles, mas continua usando, sabe que não pode ver, e continua correndo contra a parede!”

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.