F1 – Até mesmo o título de 2014 pode estar ao alcance de Ricciardo

Daniel Ricciardo

O título pode ser a próxima meta para o mais novo vencedor da Fórmula 1. Desde o GP do Bahrain em abril, Daniel Ricciardo acumulou três pódios e nunca terminou abaixo do quarto lugar.

O australiano inclusive subiu ao pódio em sua estreia na Red Bull em Melbourne, mas foi desclassificado em meio à saga do fluxo de combustível. Depois, ele enfrentou mais problemas técnicos na Malásia.

Helmut Marko, da Red Bull, declarou à Auto Bild: “Imagine se Daniel não tivesse tido duas corridas sem pontuar, ele estaria ainda mais próximo de (Lewis) Hamilton”.

De fato, mesmo com o domínio total da Mercedes em 2014, Ricciardo – o melhor colocado entre os pilotos de outras equipes – está apenas 39 pontos atrás de Hamilton após sete etapas. O bicampeão mundial Mika Hakkinen está impressionado.

“Eu notei que Ricciardo vem conseguindo explorar seu potencial máximo quase constantemente, seja na classificação, corrida ou ultrapassagens”, disse o finlandês em uma entrevista à Hermes. “Não podemos esquecer que o companheiro de equipe dele é o tetracampeão mundial, mas Ricciardo vem cruzando a linha de chegada na frente”.

E Hakkinen disse que o Canadá agora vai impulsionar ainda mais Ricciardo. “Eu tive essa experiência quando conquistei minha primeira vitória em Jerez em 1997. A confiança que você ganha se reflete também em sua performance”.

No entanto, Marko está disposto a manter os pés de Ricciardo no chão. Ele afirmou que uma olhada rápida nos resultados revela uma “comparação distorcida” entre o australiano e Vettel.

“Sebastian tem tido má sorte com a tecnologia”, disse Marko. “Porém, ele teve uma corrida sem problemas na Malásia e estava terminando à frente de Daniel”.

Segundo Marko, até mesmo a vitória de Ricciardo no Canadá precisa ser melhor analisada, já que apenas o “azar” atrapalhou Vettel, terceiro colocado. “Daniel foi veloz ao longo de toda a corrida, mas Vettel não foi mais lento”, afirmou ele.

Marko revelou que uma falha no sistema GPS do pitwall e um “erro de cálculo” adicional da Red Bull em relação à estratégia de Vettel prejudicou o progresso do alemão. “O fato de Ricciardo não ter ficado atrás dele definitivamente não foi culpa de Vettel”.

 

LS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.