F1 – A 5ª pior performance de 2017

GP de Abu Dhabi 2017

Todo piloto tem um dia ruim na pista, mas alguns têm dias realmente horríveis…

A partir de hoje vamos destacar as 5 piores performances de um piloto da F1 durante a temporada de 2017.

Vamos começar hoje com a quinta pior performance. Amanhã vamos falar da quarta pior, depois de amanhã da terceira pior e assim sucessivamente até chegarmos na pior performance que um piloto da F1 nos “proporcionou” este ano.

 

5º lugar: Lance Stroll – Abu Dhabi

Lance Stroll em Abu Dhabi 2017

Pobre Lance Stroll. Uma temporada de novato na F1 que o viu começar muito mal o campeonato simplesmente não se achando no carro. Mas aos poucos foi melhorando chegando a conquistar seu primeiro pódio na corrida maluca no Azerbaijão e classificar-se muito bem para o GP da Itália em pista molhada. Mas ele também chegou em último mais de uma vez. Inconsistência é algo que você geralmente pode esperar de um novato, mas tais altos e baixos precisam de limites, especialmente quando seu companheiro de equipe mais antigo lutou constantemente por pontos e só não conquistou mais por problemas mecânicos ou estratégias no mínimo ridículas da equipe.

Stroll esteve “fora do ar” em Abu Dhabi todo o fim de semana; O TL1 da sexta-feira foi o melhor resultado, quando fez P13. No sábado ele se classificou em P15, ou seja, totalmente fora de posição e tomando mais de 1 segundo de Felipe Massa. Ele ganhou algumas posições no início e depois se dedicou a uma batalha espirituosa com Romain Grosjean pelo P13. O francês terminaria logo fora dos pontos em P11.

O desempenho de Stroll, por outro lado, caiu significativamente. Ele lutou com o equilíbrio, em um ponto afirmando no rádio que o carro estava “inguiável”, o que provocou várias paradas para novos pneus. Repetidamente, ele travou seus pneus entrando nas curvas, às vezes no mesmo lugar em voltas subsequentes. Quando o espetáculo dos fogos de artifício começou para celebrar a vitória de Valtteri Bottas, Stroll caiu para o P18, o último dos carros ainda na pista a 1min15s de seu companheiro de equipe Felipe Massa, que fazia sua última corrida de F1.

Concretamente, os quatro carros que se classificaram atrás dele acabaram na sua frente. E nos comentários da equipe após a corrida, a Williams afirmou que ficou “desconcertada” por sua incapacidade de encontrar um ritmo razoável. Parece que em 2017, Lance Stroll deixou o pior por último.

Clique AQUI para ver a 4ª pior performance de 2017

AS - www.autoracing.com.br

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que contenham ofensas não serão aprovados pelo moderador.