WEC – Ferrari pode correr com motor turbo da F1

quinta-feira, 5 de dezembro de 2013 às 13:41

Ferrari 312P em 1973

A Ferrari vislumbrou a possibilidade de correr na categoria LMP1 no futuro, usando um motor baseado no F1 turbo de 2014.

Antonello Coletta, que comanda as atividades desportivas fora da F1 da montadora italiana, revelou que a Ferrari está estudando o novo regulamento da LMP1 que entra em vigor na próxima temporada.

Ele não descartou a entrada da Ferrari com um protótipo próprio e o motor turbo V6 da F1 para o Campeonato Mundial de Endurance (WEC) em algum momento no futuro.

“É normal que a Ferrari deva procurar todas as oportunidades e estou pronto para analisá-las”, disse Coletta. “É importante para nós entendermos o que está disponível no futuro”.

Mas Coletta ressaltou que não há planos imediatos na Ferrari para montar sua primeira equipe de fábrica na categoria protótipo desde 1973.

“No momento, estamos concentrados na F1, por isso não seria possível fazer outra coisa”, explicou. “Isso significa que nós não podemos dizer que a Ferrari estará ou não na LMP1. Também não podemos dizer se a nossa intenção é para 2015, 2016 ou depois”.

Coletta ressaltou que se a Ferrari for competir com a Audi, Toyota, Porsche e, muito provavelmente, a Nissan na LMP1 em 2015 ou depois, seria com um esforço total de fábrica e não apenas como fornecedora de motores.

“Ou nós construímos um carro ou não vai acontecer”, afirmou.

A Renault também levantou a possibilidade do seu motor F1 turbo ser montado num protótipo da LMP1.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.