Todt: Futuro da Formula 1 está mais seguro

Jean Todt

A Fórmula 1 estará melhor posicionada para assegurar seu futuro de longo prazo sob a estrutura revisada dentro do novo Pacto de Concórdia, alega o presidente da FIA, Jean Todt.

“Para mim, será muito mais aberta para poder mudar alguma coisa”, declarou Todt em uma entrevista ao site Autosport. “No momento, da maneira como é estruturada, você nunca pode mudar nada”.

A antiga estrutura dos Grupos de Trabalho Técnico e Esportivo de propor as regras por meio de uma maioria de 70 por cento para a confirmação de uma Comissão da Fórmula 1 de 26 homens está sendo alterada.

Ao invés disso, um Grupo de Trabalho Estratégico, formado por 18 pessoas – seis representantes das equipes (Ferrari, McLaren, Red Bull, Mercedes, Williams e a próxima melhor nos construtores), seis representantes da FIA e seis representantes da Formula One Management) está sendo criado.

Esse grupo votará nas mudanças de regras, que serão decididas por maioria simples, e elas então serão passadas para uma Comissão da Fórmula 1 de 18 membros, formada pelas seis equipes do Grupo Estratégico, todas as competidoras que pontuaram no campeonato anterior, um representante da FIA, um representante da FOM, seis promotores e uma fabricante de motor.

“A decisão será baseada na maioria, e não mais em 70 por cento”, disse Todt, que acha que a nova estrutura poderá reagir melhor às necessidades da categoria como um todo. “Será uma organização democrática e equilibrada, o que não existe agora. Então, é um bônus para a FIA”.

Todt espera que o novo Pacto de Concórdia seja concluído em algumas semanas, com todas as partes tendo concordado com os princípios.

 

LS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.