Sérgio Sette termina testes de Fuji no Top10 da Super Formula

Sérgio Sette Câmera

Na distante cidade de Fuji, no Japão, o piloto brasileiro Sérgio Sette Câmara fez nesta terça e quarta-feira a sua estreia oficial na categoria em que irá competir no ano de 2020 – a Super Fórmula Japonesa.

A bordo do carro #50 da equipe B-Max Racing by Motopark o mineiro de 21 anos participou da primeira rodada de testes coletivos da categoria quando completou mais de 200 voltas no circuito asiático. Seu principal objetivo, neste momento, foi o de conhecer o carro de sua nova categoria, bem como, criar um vínculo profissional com os novos engenheiros e mecânicos que irão trabalhar com ele durante todo o ano.

Outra situação que Sérgio buscou assimilar foi a preparação para um fim de semana de competição, bastante diferente do que ele se acostumou nas últimas três temporadas de F-2. A programação de corrida da Super Formula conta com três treinos livres, tomada de tempos separada em três sessões, um aquecimento de oito minutos e, depois, a corrida, que tem em média uma hora e meia de duração. Ou seja, é praticamente igual à programação de um fim de semana de F-1, por exemplo.

Outros fatores técnicos que Sette destacou após os treinos foram o grande downforce existente no carro, bem como, a força do motor Honda e a aderência dos pneus Yokohama, completamente distintos do que ele vivenciou nas categorias pelas quais já passou.

“Tivemos dois dias muito produtivos aqui em Fuji. Tinha muita coisa para aprender, conhecer as pessoas, entender o mecanismo do fim de semana de competição e, principalmente, conhecer um carro completamente novo para mim. O meu maior benefício foi o tanto que consegui andar na pista. Fizemos vários tipos de simulação como qualify, corrida, pit-stop, largada, enfim…. Realmente usamos o tempo para treinar e nos preparar para os próximos desafios. Na semana que vem, na segunda rodada de testes, tenho certeza que estaremos mais integrados e os resultados tendem a ser melhores também”, comentou o piloto de 21 anos.

Na última das quatro sessões de treinos Sette Câmara ficou com o oitavo tempo ao estabelecer a marca de 1m21s823. O mais veloz foi o japonês Nirei Fukuzumi, concorrente que Sérgio já enfrentou no Mundial de F-2.

Confira o Top-10 dos testes da tarde desta quarta-feira:

1) Nirei Fukuzumi (JPN) |Dandelion/Honda | 1m21.207s
2) Ryo Hirakawa (JPN) | Impul/Toyota | 1m21.448s         0.241s
3) Sacha Fenestraz (FRA) | Kondo/Toyota | 1m21.642s   0.435s
4)  Naoki Yamamoto (JPN) | Dandelion/Honda | 1m21.662s        0.455s
5) Yuhi Sekiguchi (JPN) |Impul/Toyota | 1m21.676s         0.469s
6) Toshiki Oyu (JPN) | Nakajima/Honda  | 1m21.691s      0.484s
7) Juri Vips (EST) | Mugen/Honda | 1m21.819s  0.612s
8) Sergio Sette Camara         (BRA) | B-Max/Honda | 1m21.823s 0.616s
9) Tadasuke Makino (JPN) | Nakajima/Honda | 1m21.832s          0.625s
10) Kamui Kobayashi (JPN) | KCMG/Toyota | 1m21.929s              0.722s

Clique AQUI para fazer suas apostas esportivas

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.