Promotor de Spa quer renegociar contrato com a F1

sábado, 22 de junho de 2019 às 8:50

F1 em Spa 2018

Os organizadores do GP da Bélgica em Spa-Francorchamps dizem que querem renegociar seu contrato com a Fórmula 1.

No ano passado, o promotor do GP de Spa assinou um novo contrato com a Liberty Media por mais três anos até 2021. “É um bom acordo que garante um evento que promove a região da Valônia em escala global”, disse o ministro da Economia da Valônia, Pierre-Yves Jeholet, no ano passado.

Mas o jornal L’Echo afirma que a assinatura com a Liberty Media de um acordo para corrida na vizinha Zandvoort muda as coisas. O relato disse que o GP de Spa, pagando mais de 20 milhões de euros por corrida, registrou uma perda de 7,5 milhões de euros no ano passado.

O L’Echo afirma que o contrato assinado por Spa no ano passado incluiu uma cláusula que permite uma renegociação se a Liberty assinar um acordo para um GP da Holanda. “Se não renegociarmos o contrato agora, o déficit só vai aumentar em milhões de euros”, disse uma fonte do promotor do Spa.

O jornal disse que o presidente do GP de Spa , Melchior Wathelet, escreveu à Liberty Media há alguns dias para lembrar Chase Carey da cláusula do GP holandês. “Devemos reabrir as discussões sobre as condições financeiras, porque isso necessariamente nos prejudica”, acrescentou a fonte.

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.