MotoGP – Déficit da Honda ainda é muito grande, diz Pedrosa

quarta-feira, 30 de março de 2016 às 14:56
Dani Pedrosa

Dani Pedrosa

Dani Pedrosa diz que o progresso da Honda até agora em 2016 tem sido encorajador, mas admite que o seu déficit para os líderes permanece “muito grande”, indo para a segunda rodada da temporada na Argentina.

A Honda teve dificuldades ao longo dos testes de pré-temporada e Pedrosa somente conseguiu o quinto lugar no Catar, enquanto Marc Marquez lutava pelo terceiro, atrás da Yamaha de Jorge Lorenzo e da Ducati de Andrea Dovizioso.

Pedrosa espera que mais progresso possa ser feito no circuito de Rio Hondo, onde ele não competiu em 2015 devido a uma lesão no braço.

“No GP do Catar, demos um passo consistente para a frente com o ajuste em comparação com o teste de inverno”, disse Pedrosa. “Nós melhoramos nosso ritmo e fui capaz de mantê-lo durante a corrida, com boa consistência”.

“Os pontos positivos foram que meu braço funcionou bem em uma pista que se mostrou um desafio a esse respeito no passado e que fui capaz de aprender mais sobre a nova moto”.

“Mas isso ainda não é suficiente, precisamos melhorar a posição de pilotagem, a forma como a moto se comporta na pista e o ajuste de um modo geral, a fim de encontrar mais velocidade”.

“Porque nesse momento, a diferença para os líderes ainda é muito grande”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.