IndyCar quer recorde de velocidade em Indianápolis quebrado até 2016

sexta-feira, 7 de março de 2014 às 16:51

Arie Luyendyk em 1996

A IndyCar estabeleceu uma meta de quebrar o recorde, que já dura 18 anos, de Arie Luyendyk no Indianapolis Motor Speedway (IMS) até 2016.

Com a velocidade de 237,498 mp/h (382,216 km/h) numa volta e 236,986 mph (381,392 km/h) na média de quatro voltas, Luyendyk se mantem como referência desde 1996, mas Mark Miles, diretor executivo da Hulman & Co., disse que espera ver este recorde de velocidade quebrado até a 100ª edição da famosa corrida.

“Estamos trabalhando com o objetivo de marcar um novo recorde até a 100ª corrida”, disse Miles. “Nós acreditamos que é algo que podemos fazer, já que aumentamos a segurança dos pilotos, e é algo que poderá ser feito gradualmente entre hoje e 2016. Acreditamos que seja uma história muito importante sobre as corridas da IndyCar, particularmente no IMS”.

Um retorno às velocidades dos meados da década de 1990 tem sido uma ambição de longa data para a categoria, embora tenha feito questão de tratar este objetivo como uma meta a ser alcançada de forma gradual, a fim de não comprometer a segurança.

Dentro das regras atuais, a temporada de 2016 marcaria o início de um novo ciclo de homologação de dois anos para os motores, e também seria o segundo ano de kits aerodinâmicos dos fabricantes.

Ed Carpenter fez a pole na Indy 500 no ano passado, com uma média de quatro voltas de 228,762 mp/h (368,156 km/h).

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.