Hulkenberg é contra cockpits fechados na Fórmula 1

quinta-feira, 3 de setembro de 2015 às 14:56

Nico Hulkenberg

Nico Hulkenberg é contra a ideia da introdução de cockpits fechados na F1 já que não acredita que a categoria deva se tornar ‘esterilizada’ demais.

A morte de Justin Wilson depois de ser atingido por detritos de outro carro durante a corrida em Pocono da Indy, trouxe novamente em pauta o tema de cockpits abertos.

Hulkenberg teve recentemente experiência em corrida com cockpit fechado, quando ele venceu nas 24 Horas de Le Mans com a Porsche no início deste ano.

Quando perguntado se eles devem ser implantados na F1, Hulkenberg disse: “Em minha opinião, não. Há prós e contras, mas eu vejo corridas de monopostos com cockpits abertos”.

“Quando participamos sabemos que ainda há alguns riscos envolvidos e poderia haver algum perigo, mas que está no DNA da corrida no automobilismo. Nós não deveríamos esterilizar tudo, fazer tudo muito clínico e superproteger a coisa toda”.

“Isso também não é bom para a categoria e pode tornar as coisas um pouco menos atraentes”.

A FIA planeja realizar mais ensaios em dois projetos para o final do mês, com o diretor técnico Charlie Whiting convencido que cockpits cobertos serão introduzidos em algum momento.

O primeiro projeto que a FIA irá testar é da Mercedes, o que é um arco acima da cabeça do piloto e para a frente, mas com uma coluna central.

O segundo é um outro dispositivo constituído por lâminas de diferentes alturas em ângulo, que se espera farão com que sejam quase invisíveis para o piloto.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.