Gene Haas: “A equipe de Fórmula 1 não será um fardo”

quarta-feira, 3 de junho de 2015 às 13:08

Gene Haas

Gene Haas acredita que a F1 não dará muito trabalho quando for lançada em 2016 ao lado da equipe NASCAR e do seu negócio de ferramentas existentes.

Haas está atualmente montando a sua organização de F1, e o relógio está correndo, com o primeiro teste de 2016 apenas a nove meses de distância.

Haas disse ao site Autosport: “Em termos de funcionamento da equipe NASCAR, há outras pessoas que fazem isso. Eu tenho um parceiro, Tony Stewart, e ele administra tudo, com outros profissionais que fazem quase todo o trabalho”.

“Meu trabalho principal é a construção de máquinas e ferramentas, e que vai ser meu principal objetivo no próximo ano, e ainda vou estar participando da NASCAR, juntamente com a F1. Mas não acho que a F1 realmente será um fardo. Para mim, o maior trabalho serão as viagens, para chegar até as corridas”.

Sugerindo à Haas que ele não estaria dormindo muito no próximo ano, ele respondeu: “Eu não sei, não tenho nenhuma ideia de como vou fazer todo este trabalho”.

Embora o carro de estreia ainda tenha algum caminho a percorrer antes da pista, Haas sabe que não teria entrado na F1 se não houvesse as alterações nos regulamentos.

O carro da Haas F1 será predominantemente um Ferrari por baixo, por causa da parceria entre as duas organizações.

“Embora ainda não fizemos nada, estamos tentando provar que é possível. Acreditamos que de outra forma, não estaríamos fazendo isso”, disse ele. “Pessoalmente, porém, não voltaria e o faria completamente do zero, projetando tudo sozinho”.

“É um trabalho muito grande, iria custar muito dinheiro, e o esforço seria enorme”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.