Fórmula 1 decide em Paris futuro dos motores de 2021

terça-feira, 31 de outubro de 2017 às 13:25

FIA

As bases para o futuro da Fórmula 1 serão firmadas nesta semana, quando os chefes da FIA e da FOM se encontrarem em Paris para discutir os regulamentos para a temporada de 2021 e além.

A FIA e a FOM trabalharam juntas nos novos regulamentos do motor, com a Aston Martin e Porsche esperando para ver se as novas regras os tentariam a aderir à Fórmula 1 como fornecedoras de unidades de potência.

Foi sugerido o seguinte:
– Motor 1.6 litros, V6 Turbo Hybrid
– Maior rpm (+3000) para melhorar o som
– Parâmetros de design interno para restringir os custos de desenvolvimento e desencorajar projetos extremos e condições de    funcionamento
– Remoção da MGU-H
– MGU-K mais potente com foco na implantação manual do piloto na corrida, juntamente com a opção de economizar energia em várias voltas para fornecer um elemento tático controlado pelo piloto para competir
– Turbo único com limites de dimensão e peso
– Bateria e controle eletrônico padrão
– Alto nível de design externo para facilitar a troca de motor/chassi/plug-and-play
– Intenção de investigar regras mais rigorosas de combustível e limites do número de combustíveis usados

Também acredita-se que o Grupo de Estratégia e a Comissão de Fórmula 1 serão abolidos, enquanto Ross Brawn possui sua própria equipe de engenheiros independente de todas as equipes para avaliar regras e regulamentos técnicos.

Quanto ao limite do orçamento, está sendo relatado que poderia ser introduzido a tempo para 2019 e que os custos serão reduzidos de forma gradual para ajudar as equipes a se adaptarem à nova configuração. Essa questão específica deve ser o foco principal de atenção em 7 de novembro na próxima reunião do Grupo de Estratégia.

Haverá duas reuniões nesta semana, onde a próxima visão da Fórmula 1 será apresentada após uma extensa investigação por especialistas empregados pela FOM.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.