Fórmula 1 à procura de solução para o abuso dos limites de pista

sexta-feira, 11 de setembro de 2015 às 16:08

Ferrari em Spa

As equipes e a FIA estão trabalhando na tentativa de encontrar uma melhor solução para dissuadir pilotos a não abusarem dos limites de pista.

O problema dos pilotos que tentam tirar uma vantagem ao cortar as curvas voltou para a agenda após os estouros de pneus no GP da Bélgica.

Suspeitaram-se que zebras com defeito ou detritos fora da pista contribuíram para os estouros de pneus de Sebastian Vettel e Nico Rosberg no fim de semana em Spa.

A F1 tem enfrentado dificuldades na tentativa de garantir que os pilotos fiquem dentro dos limites da pista, mas a FIA muitas vezes deixou claro que só aplicará punições em ocasiões onde ficar provado que o piloto ganhou uma vantagem.

No entanto, os estouros de pneus em Spa indicaram que poderiam ir além de uma vantagem competitiva – porque ficou destacado que agora era um problema de segurança em jogo.

É por isso que o assunto está sendo discutido pelas equipes e a FIA.

O abuso de limites de pista na F1 surgiu por causa do aumento do uso de áreas de escape de asfalto, o que significa que os pilotos já não correm o risco de um abandono permanente, se saírem da pista como costumavam fazer quando a brita era mais comum.

A questão que a FIA teve ao introduzir impedimentos físicos – como barreiras ou zebras altas – em áreas de asfalto, é que elas podem causar problemas maiores se um piloto que teve um problema genuíno e for para fora da pista e ter um acidente grave.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.