Ferrari tem incentivado a Volkswagen para entrar na Fórmula 1

quinta-feira, 17 de dezembro de 2015 às 12:32

Mercedes e Ferrari

O presidente da Ferrari Sergio Marchionne diz que “sempre incentivou” a fabricante alemã Volkswagen para entrar na F1.

Houve especulações de que a VW poderia entrar na categoria como fornecedora de motores da Red Bull, mas nada se concretizou ainda. A discussão foi, então, arquivada quando a VW se envolveu no escândalo do teste de emissões com seus carros de rua.

“Apesar dos problemas que a Volkswagen está tendo, sempre incentivei seu último diretor para se juntar a F1”, disse ele. “Porque uma empresa tão grande não estava na F1, sempre foi muito estranho para mim”.

“Eu também incentivei a General Motors, sempre tento incentivar todas elas para entrar. Isso seria bom para o esporte, para elas e para nós”.

O grupo VW manteve seus programas de automobilismo existentes apesar do custo do escândalo, continuando com sua participação de três carros no Campeonato Mundial de Rally. Mas suas marcas parceiras Audi e Porsche reduziram sua presença nas 24 Horas de Le Mans de três carros para dois.

Houve sugestões que as dificuldades da Honda em seu retorno à F1 com a McLaren, possa ter desencorajado outras fabricantes de seguir o exemplo.

Marchionne acha que isso não se aplica.

“A Honda pode fazer grandes coisas e pode voltar a vencer”, disse ele. “Precisamos de mais fabricantes na F1”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.