F1 – Wolff compartilha dúvidas sobre cortes após reações dos fãs

quarta-feira, 18 de junho de 2014 às 16:57

Toto Wolff

O chefe da Mercedes Toto Wolff compartilhou suas dúvidas sobre os planos de diminuir o fim de semana da F1 para apenas três dias, em vez dos quatro atuais, com o dia de entrevistas da quinta-feira e o treino livre da manhã de sexta-feira abolidos, após uma onda de opiniões negativas dos fãs do esporte.

Os cortes propostos, que foram ao ar pela primeira vez durante o fim de semana do GP do Canadá, vieram como um esforço para reduzir os custos dentro da F1, mas Wolff acredita que os planos precisam ser reavaliados depois que levantaram preocupações entre os fãs.

As propostas serão analisadas durante a reunião da Comissão de F1 nesta quarta-feira, antes de serem transferidas para o Conselho Esportivo da FIA, que se reunirá na próxima semana para aprovarem os planos.

Embora o plano para cortar o fim de semana para apenas três dias de funcionamento viesse originalmente do Grupo de Estratégia da Formula 1, formado por Mercedes, Red Bull, Ferrari, McLaren, Williams e Lotus, Wolff admitiu que ele próprio gostaria que o fim de semana permanece em seu formato atual.

“Honestamente eu mesmo duvido que é a coisa certa, porque a Formula 1 é o auge do automobilismo, isso não é um entretenimento de fim de semana que começa na manhã de sábado, é um esporte muito característico…”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.