F1 – Williams impressionada com uma fantástica estatística de Stroll

segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018 às 14:36

Lance Stroll

As estatísticas nunca contam a história completa por trás do desempenho de um piloto, mas Paddy Lowe da Williams acredita que há um conjunto de números que fala do inegável talento de Lance Stroll.

O jovem canadense será inesperadamente o piloto mais experiente da equipe este ano, acompanhado pelo novato Sergey Sirotkin, de 22 anos de idade.

A Williams colocou toda sua confiança na sua dupla de pilotos, a mais jovem e menos experiente em sua história, e Lowe está esperando que Stroll fique muito melhor do que estava em seu desafiador ano de estreia em 2017.

“Eu acho que Lance vai abordar sua segunda temporada em uma posição completamente diferente da sua primeira”, disse o chefe técnico da Williams à ESPN.

“Ele chegou muito jovem, 18 anos, um ambiente completamente novo, um novo desafio, é uma enorme quantidade de informações para gerenciar e usar no ambiente intenso das corridas de Fórmula 1”.

“Então, eu acho que em sua segunda temporada ele estará muito melhor e um ano mais velho, um ano naquela idade é um grande passo. Acho que temos toda a esperança e a promessa de que ele pode ter um fenomenal segundo ano e continuar construindo uma ótima carreira na Fórmula 1”.

Rotulado desde o início por muitos como um “garoto rico” que devia seu lugar na F1 pela fortuna de seu pai, Stroll silenciou seus críticos com uma série de pilotagens e desempenhos, apresentando o que foi uma corrida de alto nível para o pódio em Baku.

Lowe observou e tomou nota, mas também cavou algumas estatísticas para mostrar um feito impressionante.

“Ele conhece todas as pistas, conhece seu caminho, então ele pode ter uma confiança enorme e consolidar as coisas que fez no ano passado, que já foram bons sucessos, algumas estatísticas muito notáveis”, acrescentou Lowe.

“A minha favorita, a menos falada, é o desempenho da primeira volta. Eu tive esse sentimento durante todo o ano, apenas objetivamente, que ele era realmente forte nesse aspecto, mas fiquei satisfeito ao ver o cálculo formal de que ele conseguiu o maior número de ultrapassagens na primeira volta confirmando isso”.

“É uma estatística fantástica, como sabemos que existem muitos pilotos que podem ter uma ótima posição no grid e depois jogá-la fora na primeira curva em incidentes bobos”.

“Lance mostrou-se capaz de lutar e ainda não sair da pista e jogar tudo fora”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.