F1 – Whiting: Nenhuma indicação que Perez atingiu Sirotkin deliberadamente

Sergio Perez e Sergey Sirotkin

O diretor de prova da FIA, Charlie Whiting, diz que não acredita que Sergio Perez pretendia acertar Sergey Sirotkin no incidente que levou o mexicano a receber uma penalidade de drive-through.

Whiting, que pode encaminhar os incidentes para os comissários, mas não decide sobre eles, disse que sua interpretação da colisão foi que Perez julgou mal o quão próximo ele estava da Williams.

“Eu não falei com ele, nem os comissários, tanto quanto sei, mas é difícil acreditar que um piloto realmente pretenda bater em um carro”, disse Whiting.

“Ele estava se esforçando para passar por Sirotkin e parecia um pouco frustrado. E eu acho que ele julgou mal o quão longe ele estava na frente dele, porque obviamente você viu o quão perto eles estavam nas curvas 14, 15, 16 e 17, e eu acho que ele acabou por julgar mal”.

Perez, que também colidiu com o companheiro de equipe Esteban Ocon no início da corrida, disse que estava tentando “fechar a porta” em Sirotkin.

“Foi corrida difícil, ele estava defendendo sua posição muito duro, lutando duro, movendo-se na frenagem”, disse Perez. “Eu tive muitos bloqueios logo no final da frenagem. E então, enquanto passei por ele, tentei fechar a porta, mas acho que ele estava perto demais”.

“Eu tenho que ver o incidente, mas eu provavelmente fechei a porta mais cedo do que deveria, então eu tenho que verificar novamente, mas acho que a penalidade foi justa”, acrescentou.

Quer concorrer a uma réplica do capacete do Ayrton Senna? Clique AQUI e palpite sobre quem vai vencer a corrida da StockCar no Velo Città no próximo domingo!

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.