F1 voltou a permitir “disputas duras”

Max Verstappen e Charles Leclerc

A Fórmula 1 agora pode estar permitindo “disputas duras” novamente, de acordo com Charles Leclerc, da Ferrari.

Na Áustria, o jovem monegasco ficou desapontado quando Max Verstappen não foi penalizado por sua ultrapassagem agressiva. Mas em Silverstone, os dois lutaram roda a roda mais uma vez, e em um ponto Leclerc inclusive empurrou seu ex-rival no kart para fora da pista.

“Não foi vingança. Se os comissários querem disputas duras, por mim tudo bem”, declarou Leclerc à Auto Motor und Sport. “Eu disse antes da prova que pilotaria mais agressivamente agora, e foi o que fiz”.

Verstappen diz que também não tem nenhum problema com a agressividade de seu duelo em Silverstone.

“Ele se defendeu duramente, mas é normal daquela maneira. É como eu gosto de correr”, afirmou o holandês.

Toto Wolff, chefe da Mercedes, acredita que, baseado nas evidências da Áustria e Silverstone, os comissários decidiram ser mais brandos com pilotos que lutam agressivamente.

“Parece que as disputas duras são novamente permitidas, mas eu acho que é exatamente isso que os fãs querem ver”, disse ele.

 

LS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.