F1 – Vijay Mallya diz que controle de custos pode funcionar

quarta-feira, 18 de dezembro de 2013 às 16:24

Vijay Mallya

O dono da Force India Vijay Mallya acredita que a F1 pode ter um teto orçamentário que funcione em 2015 apesar do insucesso de tentativas anteriores de controle de custos.

Mallya julga que estas iniciativas anteriores, datando de quando a FIA tentou introduzir um teto de 30 milhões de libras em 2010, formam um quadro que está pronto para garantir que esta nova ideia pode ser executada de forma eficaz.

Apesar do chefe de equipe da McLaren Martin Whitmarsh alertar que controlar custos na F1 pode ser impossível, Mallya sente que é dever de cada chefe de equipe garantir que a nova política seja respeitada.

“É uma brilhante notícia”, disse Mallya quando perguntado sobre o teto orçamentário.

“Ele deveria ter acontecido há alguns anos atrás, mas melhor tarde que nunca. Depois de ser anunciada pela Comissão da F1, eu acho que todos nós devemos trabalhar para que isto aconteça”.

“Quando foi proposto pela primeira vez (em 2009) havia um mecanismo colocado em prática para controlar isto. Uma vez que você concordou e todos aceitaram, é responsabilidade do chefe de equipe certificar que as regras são seguidas”.

“Autocontrole é melhor do que controle imposto”.

Questionado se isto significava que as equipes, em vez da FIA, deveriam controlar o teto orçamentário, Mallya disse que os detalhes eram menos importantes do que a própria ideia.

“Pode ser ambos, pode ser um ou outro, uma combinação dos dois”, disse.

“Este é o menor dos problemas”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.