F1 – Vettel falou com diretor de corridas após mensagem via rádio

Sebastian Vettel

Sebastian Vettel

Sebastian Vettel procurou o diretor de corridas Charlie Whiting após o GP do México, sobre a sua explosão via rádio. O piloto da Ferrari herdou o pódio após punição a Max Verstappen (Red Bull), que cortou o ápice da curva 2 na disputa entre ambos.

Vettel ficou furioso por Verstappen não ter cedido a posição e gritou pelo rádio: “Aqui está uma mensagem para Charlie: foda-se”. Falando após a corrida, o alemão admitiu que falou fora de hora, e encontrou Whiting para oferecer o seu lado da história, deixando claro que ele tinha “razão para estar zangado”.

“Eu fui imediatamente vê-lo (Whiting)”, disse Vettel. Eu não entendo por que você (repórter) está fazendo um barulho e por que você está fazendo a pergunta. Com certeza não é a coisa certa a se dizer, mas igualmente, em minha defesa, adrenalina e emoções estão altas. Por respeito, eu fui até ele e disse o que eu fiz”.

Vettel ainda está sob investigação pelos comissários, depois que ele foi acusado de ter guiado “perigosamente ou de forma irregular” em sua batalha com o companheiro de Verstappen, Daniel Ricciardo. “Eu quero vê-lo novamente”, comentou Vettel sobre o incidente na Curva 4.

“Eu estava lutando muito duro. Eu deveria dar-lhe espaço suficiente, o que eu acho que ele tinha. Eu sabia que ele aproveitaria a brecha. No final, fizemos contato, o que nunca é o ideal. Max estava me travando nas duas primeiras curvas, eu tive uma saída muito ruim e estava chateado por ele não ter cedido (o lugar)”, explicou.

“Eu só posso dizer que eu quero analisar tudo novamente com Daniel. Se houve algo eu vou falar com ele. Nós fizemos tudo o que podíamos para forçar Max a um erro que ele não cometeu”, concluiu.

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.