F1 – Vettel: Dano do carro mascarou o verdadeiro ritmo

segunda-feira, 4 de setembro de 2017 às 13:40
Sebastian Vettel

Sebastian Vettel

Sebastian Vettel acredita que ele poderia ter sido muito mais rápido no GP da Itália se ele não tivesse sofrido danos no Ferrari durante os estágios finais da corrida.

Depois de ter ultrapassado com relativa facilidade o colega Kimi Raikkonen, Lance Stroll e Esteban Ocon para ficar em terceiro lugar no início, Vettel não conseguiu acompanhar a dupla mais rápida da Mercedes e finalmente terminou 36 segundos atrás do vencedor da corrida, Lewis Hamilton.

O alemão diz que uma saída na primeira chicane causou danos, o que significava que ele não era mais capaz de confiar em seu carro nas frenagens.

“Saí na curva 1 e acho que algo quebrou”, explicou Vettel. “O lado esquerdo da direção estava um pouco baixo e eu não podia confiar no carro na frenagem. É uma pista de frenagem forte, então as últimas voltas não mostraram o ritmo que eu poderia ter feito”.

“Provavelmente, perdemos meio segundo por volta hoje, mas não podemos considerar que foi tudo pelo dano. Eu não estou preocupado com a lacuna, Monza é um lugar específico e se você tem um pouco mais de confiança, isso faz a diferença”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.