F1 – Verstappen fez a maior parte da corrida com o modo de torque errado

Max Verstappen

Max Verstappen passou a maior parte do GP de Mônaco no modo de torque errado do motor após seu incidente no pitlane com Valtteri Bottas.

Verstappen foi avisado para escolher o “torque 12” quando entrou no pitlane em sua única parada durante o safety car, depois mudou para o “torque 6” quando saiu.

Contudo, momentos depois de deixar o pitlane, Verstappen disse pelo rádio: “M*rda, eu não mudei o torque”.

A alteração em questão deveria ter deixado Verstappen em um mapa padrão de corrida ao invés do necessário para a largada e não pode ser feita enquanto o carro está andando normalmente na pista.

Isso deixou Verstappen preso em ajuste de torque que Toyoharu Tanabe, diretor técnico da Honda F1, classificou como “muito” diferente do mapa padrão.

Entende-se que o ajuste teve um impacto significativo no comportamento do motor, e Verstappen precisou gerenciar isso por mais de 60 voltas enquanto tentava pressionar o líder Lewis Hamilton.

Tanabe afirmou que a Honda tentou ajudar Verstappen com parâmetros à sua disposição, mas só conseguiu solucionar “uma pequena parte daquela diferença”.

Verstappen ainda chegou em segundo na pista, mas uma penalização de cinco segundos pela infração da Red Bull no pitlane e seu toque com Bottas o fizeram cair para quarto.

 

LS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.