F1 – Todos os carros com motor Renault pontuaram no GP da Malásia

segunda-feira, 30 de março de 2015 às 14:22

Red Bull e Toro Rosso

Depois de 56 voltas de árdua corrida os dois carros da Toro Rosso receberam a bandeirada em sétimo e oitavo, liderando a dupla da Red Bull, que terminou em nono e décimo.

Max Verstappen se tornou o piloto mais jovem a marcar pontos em uma corrida de F1, quando terminou em sétimo lugar. O jovem piloto de 17 anos largou de uma ótima sexta posição no grid e disputou com seu companheiro de equipe, com a Williams e a Red Bull em vários estágios na corrida. Algumas ultrapassagens permitiram o holandês conseguir seus primeiros pontos com apenas duas corridas na temporada.

Carlos Sainz teve uma corrida igualmente impressionante. O espanhol ficou fora dos boxes durante o período do carro de segurança e correu entre os seis primeiros, até sua primeira parada. Na volta à pista, também se envolveu em uma briga apertada com a Williams e a Red Bull antes de sua segunda parada. Ele foi ultrapassado por Verstappen à sete voltas do final, mas segurou a Red Bull até o final.

Daniil Kvyat terminou em nono lugar. O russo ficou engarrafado atrás do Force India de Nico Hulkenberg por cerca de um terço da corrida, mas quando tentou passar, foi empurrado para fora. Hulkenberg recebeu uma punição, mas Kvyat já havia perdido várias posições. Ele subiu para o décimo lugar e passou o companheiro de equipe Ricciardo na volta 53.

Daniel Ricciardo cruzou a linha em décimo lugar. Ele também perdeu tempo atrás da Force India e, eventualmente, cedeu um lugar para Kvyat pouco antes do final da corrida.

Remi Taffin, diretor operacional da Renault, disse: “Quatro carros nos pontos em uma das corridas mais duras do ano mostra a quantidade de trabalho que fizemos nas últimas duas semanas”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.