F1 – Stuck: Repense tudo em meio à pandemia

Hans-Joachim Stuck

Tudo está sendo colocado em questão por causa da pandemia global, de acordo com Hans-Joachim Stuck, lenda do automobilismo alemão.

O fechamento atual das fábricas da Fórmula 1 agora foi estendido para as fábricas de motores, e as equipes supostamente estão discutindo o adiamento do regulamento de 2021 por mais um ano – para 2023.

Além disso, o Conselho Mundial de Automobilismo deu ao presidente da FIA, Jean Todt, uma “delegação de autoridade” para “tomar quaisquer decisões” sobre como lidar com a crise inédita de 2020.

Ao ser questionado se esse é o momento mais existencialmente perigoso de todos os tempos para a F1, Bernie Ecclestone, ex-chefe executivo da categoria, respondeu: “Sim”.

Stuck, que até recentemente era o presidente da DMSB, federação alemã de automobilismo, disse ao Kolner Express que a situação é uma oportunidade para a F1 “repensar tudo”.

“A F1 realmente precisa de 22 corridas ou 10 são suficientes, mas com duas provas por fim de semana como na DTM? Ou ela faz um campeonato atravessando a temporada, do outono à primavera, como a Fórmula E?”

“Mas primeiramente nós temos de passar por essa crise e ver o quão sólidos são os patrocinadores da indústria automotiva. As equipes pequenas podem sobreviver?”

Clique AQUI para fazer suas apostas esportivas

LS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.