F1 – Stewart: Hamilton é uma pequena bailarina

quarta-feira, 30 de novembro de 2016 às 14:46
Jackie Stewart

Jackie Stewart

A lenda da Fórmula 1, Jackie Stewart, chamou Lewis Hamilton de “pequena bailarina”, depois de sua recusa em obedecer às ordens da equipe no GP de Abu Dhabi.

Hamilton desacelerou seu carro de propósito enquanto estava na liderança para aumentar a chance de Nico Rosberg ser ultrapassado. A tática provou ser infrutífera já que o alemão venceu o Campeonato de Pilotos depois de se manter em segundo até o final.

Somando às críticas que Hamilton recebeu por suas táticas, Stewart disse que a Mercedes deve punir definitivamente seu compatriota britânico.

“Eu acho que ele (Hamilton) pode ser uma pequena bailarina”, disse Stewart à Press Association. “Toto Wolff e Niki Lauda não são pessoas estúpidas, e nem é o presidente da Mercedes que muitas vezes vem para as corridas”.

“Você não pode ameaçar uma corporação multinacional desse tamanho por um homem que simplesmente não está fazendo o correto”.

Stewart acredita que Hamilton é contratualmente obrigado a seguir ordens da equipe e acrescentou que a Mercedes precisa fazer dele um exemplo.

“Agora, me desculpe, mas quando você é pago entre 20 e 30 milhões de libras por ano e lhe dizem para fazer algo, você tem que fazê-lo. Eu não me importo com quem você é”, explicou.

“Não é a primeira vez que ele vai contra as ordens, e se ele vai continuar a fazer isso, eles têm a opção de demiti-lo”.

“Ele só faz 21 corridas por ano. Não é grande coisa. Nós suávamos para fazer um dinheiro decente, e eles não fazem nem mesmo muito teste agora”.

“A Mercedes pode apenas lhe dar outra advertência pesada, mas se eles fizerem isso, eles teriam de dizer ‘isso (a demissão) é o que vai acontecer na próxima vez que você desobedecer ordens’. Outra maneira seria penalizá-lo financeiramente”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.