F1 – Steiner: Sem desculpas pela perda de pontos da Haas

sexta-feira, 14 de dezembro de 2018 às 11:27

Abandono de Romain Grosjean na Austrália

O chefe da equipe Haas F1, Guenther Steiner, diz que não há desculpas para a perda pontos durante a temporada de 2018. A equipe norte-americana perdeu alguns, o que prejudicou a conquista do quarto lugar no campeonato de construtores.

A maior perda aconteceu no GP da Austrália, onde, depois de solidificar os dois carros na quarta e quinta colocação, teve um duplo abandono. Dois erros de pitstop deixaram ambos os carros com uma roda não conectada corretamente, forçando Romain Grosjean e Kevin Magnussen a parar e abandonar.

A Haas terminou a temporada em quinto lugar, 29 pontos atrás da Renault, mas Steiner diz que havia pontos que Haas deveria ter garantido: “Perdemos pontos que não deveríamos ter perdido”, disse ele. “Mas eu não quero encontrar desculpas. Eu acho que é parte do crescimento”.

A impressionante temporada de Haas fez com que ela batalhasse pelo “melhor do resto” apesar de estar apenas na terceira temporada da F1. Steiner diz que a equipe precisa se tornar mais experiente antes de poder resolver os problemas que lhe custam pontos.

“O ar está ficando cada vez mais rarefeito quanto mais alto ficamos, você percebe isso. É apenas parte do nosso processo de crescimento. Se você está nessa liga, só precisa fazer tudo funcionar para estar lá. Não é suficiente ter apenas um bom carro, você precisa do pacote completo. Você precisa de tudo executado perfeitamente”.

“Você não pode aprender ou estudar, você só precisa fazer. Não deveríamos estar fazendo errado, mas ao fazê-lo, você aprende a não fazer mais errado. Então, para aprender com isso e melhorar, esse é o meu objetivo, porque eu acho que se você fizer isso errado, uma vez que não está tudo bem, mas você pode viver com isso”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.