F1 – Russell fez ligação que lhe garantiu vaga na Williams

sexta-feira, 12 de outubro de 2018 às 10:40

George Russell

George Russell telefonou para Paddy Lowe, chefe técnico da Williams, antes do GP da Alemanha deste ano pedindo uma reunião com a equipe para discutir uma vaga na Fórmula 1.

Russell, líder do campeonato da Fórmula 2, foi anunciado como piloto da Williams em 2019 nesta sexta-feira, um acordo no qual ele começou a trabalhar em julho.

Russell e Lowe estiveram juntos na Mercedes por um breve período antes de Lowe deixar a montadora para se juntar à Williams em 2017, e Russell usou essa ligação para buscar uma vaga na F1.

“Meu primeiro contato com eles foi cerca de duas semanas antes da corrida de Hockenheim”, revelou Russell ao site Autosport. “Telefonei para Paddy e lhe disse ‘quero estar na F1 e na Williams na próxima temporada, podemos fazer uma reunião para discutir o assunto, eu, você e Claire?’”

“Aquele foi o ponto real em que eu soube que as coisas estavam acontecendo na F1 e eu precisava entrar antes de perder uma oportunidade. O fim de semana de Hockenheim provavelmente foi a primeira indicação ou ponto de contato com a Williams, e as coisas começaram a progredir a partir de lá”.

Russell disse que ser proativo foi importante para ele assegurar sua graduação para a F1.

“Eu sempre sinto que é melhor conversar diretamente ao invés de deixar Toto (Wolff) ou alguém da Mercedes ser o ponto de contato para mim. Como eu conhecia Paddy de quando ele estava na Mercedes, nós já tínhamos um certo relacionamento, então me senti mais confortável ligando para ele e marcando uma reunião”.

Quer concorrer a uma réplica do capacete do Ayrton Senna? Clique AQUI e palpite sobre quem vai vencer o GP dos EUA de Formula 1 no dia 21 deste mês!

 

LS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.