F1 – Rosberg quer respostas da Mercedes sobre Cingapura

segunda-feira, 21 de setembro de 2015 às 14:45

Nico Rosberg

Nico Rosberg diz que não pode deixar de ficar preocupado com a queda incomum da Mercedes no GP de Cingapura já que a equipe não tem certeza do motivo das dificuldades.

A Mercedes sofreu um fim de semana sombrio no circuito de Marina Bay, pelos seus próprios padrões elevados, nem com Rosberg nem Lewis Hamilton mostrando ritmo comparável à Ferrari e Red Bull.

Com Hamilton abandonando por problemas técnicos, Rosberg cruzou a linha em quarto lugar, mas apesar de estar satisfeito em diminuir a diferença para seu companheiro de equipe para 41 pontos, sua preocupação é que a Mercedes não entendeu por que ele sofreu uma perda de dois segundos no seu ritmo de corrida.

“É preocupante porque não sabemos o motivo”, disse ele a Sky Sports F1. “Ninguém sabe se vai continuar assim ou não. O que houve de positivo, foi diminuir a diferença (para Hamilton), mas o grande problema é que foi um fim de semana decepcionante para todos nós”.

“Para estar tão fora do ritmo de repente e não compreender, isto é muito ruim, porque então como corrigir? A próxima pista só esperamos que nos favoreça e as chances são muito boas porque em todos os outros circuitos, temos sido muito rápidos, mas quem sabe?”

Com o próximo evento no Japão faltando apenas quatro dias, Hamilton continua confiante de que os problemas em Cingapura foram superados.

“Nossa confiabilidade é muito alta já que tivemos uma temporada incrível até agora. Temos ainda um longo caminho a percorrer e sei que perdi alguns pontos, mas era rápido e vou me certificar de levar isso para Suzuka e reagir”, disse Hamilton.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.