F1 – Rosberg promete lutar em ‘ataque máximo’

segunda-feira, 14 de setembro de 2015 às 13:51

Nico Rosberg

Nico Rosberg prometeu lançar um “ataque máximo”, já que não tem mais nada a perder, depois que uma falha de motor o deixou sem pontuar em Monza.

As esperanças de título do alemão sofreram um golpe maciço na Itália, quando seu W06 sofreu uma quebra no motor. Ao perder 15 pontos, Rosberg ficou 53 pontos atrás de Lewis Hamilton.

“Obviamente, Monza não estava nos planos”, lamentou o piloto. “Foi péssimo perder um bom resultado tão próximo do final, mas agora enfrento as sete últimas corridas com a atitude de que não há nada a perder”.

“É ataque máximo e não vou desistir da luta, de jeito nenhum”.

Rosberg ainda não venceu no circuito de Marina Bay, embora tenha chegado perto em 2008, quando terminou em segundo lugar para a Williams.

No ano passado, apesar de classificar em segundo no grid, largou do pitlane devido a um problema elétrico na volta de formação e depois abandonou.

Este ano Rosberg acha que tem o que é preciso para vencer em Cingapura e começar a pontuar de volta.

“Cingapura é uma das minhas corridas favoritas, então este é um bom lugar para começar”, continuou ele. “É difícil para todos – física e mentalmente – e eu adoro esse desafio”.

“Eu estava a apenas alguns milésimos da pole no ano passado e me sentia bem para a corrida até que um problema com o volante terminou com meu fim de semana. Sei que tenho o ritmo para vencer lá, então estou esperando por um fim de semana tranquilo”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.