F1 – Ricciardo: Desastre de Cingapura me fez mudar a abordagem

terça-feira, 11 de setembro de 2018 às 12:04

Daniel Ricciardo

Daniel Ricciardo refletiu sobre sua primeira corrida no GP de Cingapura, chamando-a de uma de suas “piores experiências” ao volante na Fórmula 1, mas admite que com mais tempo gasto neste cenário exigente, a dor anterior se tornou um “prazer”.

Cingapura é amplamente reconhecida pelos pilotos como sendo a corrida mais exigente fisicamente da temporada devido à configuração noturna, circuito de rua, calor e umidade.

Na primeira participação de Ricciardo no Circuito de Marina Bay há sete anos, ele terminou em 19º lugar, e foi uma experiência que ele não olha com carinho, mesmo que agora aceite o prazer do desafio.

“Aprendi a amar o desafio de Cingapura”, disse Ricciardo ao site oficial da Fórmula 1. “Para mim, o primeiro ano em que corri lá em 2011 foi uma das piores provas em que estive envolvido. Fisicamente, foi tão intenso que subestimei o quanto seria difícil”.

“Eu não estava feliz depois daquela corrida, isso me deu uma sensação de que eu nunca mais gostaria de experimentar em um carro de corrida novamente, então eu prometi a mim mesmo que sempre iria para Cingapura estando preparado. De certa forma isso é algo que eu me orgulho, eu sempre chego lá me sentindo muito afiado e bem preparado.

“Agora eu realmente gosto desse desafio e também gosto do calor. De uma maneira estranha, a dor se tornou prazer ao longo dos anos”.

Desde a decepcionante primeira tentativa no GP de Cingapura, Ricciardo floresceu na corrida, e ele espera que, após anos de melhora, possa finalmente conquistar a vitória na corrida noturna que adora.

“Como todos sabem, eu amo circuitos de rua”, continuou o australiano.

“A sensação de dirigir no limite, tão perto dos muros, é algo que você não consegue se cansar. É a corrida noturna original e a programação é sempre bem agitada, mas há algo romântico em ir para a pista à noite e depois para a cama às quatro ou cinco da manhã”.

“É um lugar onde eu também tenho boas corridas e termino bem forte. Eu tive quatro pódios e três segundos lugares seguidos lá, então é hora de eu ganhar a maldita coisa”.

Quer concorrer a uma réplica do capacete do Ayrton Senna? Clique AQUI e palpite sobre quem vai vencer o GP de Cingapura da Formula 1!

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.