F1 – Red Bull diz que nunca vai censurar seus pilotos

segunda-feira, 31 de março de 2014 às 12:48

Sebastian Vettel

A Red Bull assegura que nunca vai censurar seus pilotos, após as críticas de Sebastian Vettel sobre os novos motores da Formula 1 terem causado polêmica na Malásia.

Vettel classificou o som dos turbos de 2014 como ‘m**a’ antes da corrida de Sepang, em meio ao debate sobre o impacto das novas regras.

Esses comentários francos não caíram bem com o presidente da FIA, Jean Todt, que terá a oportunidade de falar com Vettel durante o GP do Bahrain no próximo fim de semana.

Mas, apesar de Todt sentir que as observações de Vettel foram negativas com os dirigentes do esporte numa nova era, o chefe da Red Bull Christian Horner apoiou seu piloto e disse que sua equipe nunca escolheria silenciar seus pilotos.

“Todos os pilotos estão autorizados a expressar sua própria opinião”, disse ele. “Sebastian expressou sua opinião e eu não acho que ninguém iria condenar um piloto por dar uma opinião. Ele não está sozinho com esta mesma opinião. Há opiniões diferentes e todos tem direito a uma”.

As sugestões de que Vettel poderia enfrentar uma acusação de descrédito por seus comentários estão longe da verdade, assim como os rumores de que a FIA poderia utilizá-la como suporte contra a Red Bull na audiência do recurso sobre a polêmica do fluxo de combustível.

Horner deixou claro que não houve discussões dos representantes da FIA sobre os comentários de Vettel na Malásia.

“Certamente, ninguém falou comigo sobre isso no fim de semana”, disse ele. “Acho que ele só disse o que pensa. E, um pouco diferente de outros no pitlane o condenando por isso, acho que ele deveria ser aplaudido por dizer o que pensa”.

“Mas, infelizmente, vivemos num mundo muito politicamente correto neste momento”.

“Parte da filosofia da Red Bull, mesmo que às vezes desconfortável para a equipe, é que os pilotos têm a liberdade de opinião e de expressão”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.