F1 – Quem ganhou a disputa Hamilton x Button?

quinta-feira, 6 de dezembro de 2012 às 7:43
F1 - Lewis Hamilton e Jenson Button

Lewis Hamilton e Jenson Button

A última corrida de Lewis Hamilton para a McLaren no Brasil representou um claro fechamento de uma era para a equipe de Woking, tanto em termos de sua relação de longa data com o seu protegido, como o fim de uma dupla britânica de campeões mundias depois de 58 corridas juntos.

Enquanto as esperanças de Hamilton dizer adeus com uma vitória em Interlagos foram impedidas quando Nico Hulkenberg tocou nele na entrada do S do Senna, Jenson Button – que estava em terceiro – foi capaz de aproveitar e vencer a última corrida de 2012. Em 2013, inevitavelmente ele irá assumir a responsabilidade e expectativa adicionais da equipe, dada a relativa inexperiência de Sergio Perez.

A outra coisa importante sobre a vitória de Button e Hamilton ter abandonado, foi que isto garantiu ao britânico mais velho terminar a parceria de três anos com mais pontos no geral – 672 para Button contra 657 de Hamilton.

Enquanto os pontos sozinhos certamente não refletem todo o quadro da dupla na McLaren, ou são evidência conclusiva de quem “ganhou” a batalha de companheiros de equipe, as estatísticas mais amplas reunidas abaixo, irão demonstrar que Button se saiu melhor do que muitos poderiam esperar. Quando ele se juntou à equipe, Sir Jackie Stewart fez a famosa declaração que Button, que tinha acabado de ser campeão do mundo pela Brawn, estava entrando no “covil do leão” e provavelmente seria comido vivo por Hamilton com o mesmo equipamento.

Na comparação ano por ano, cabeça a cabeça, Hamilton terminou com mais pontos em dois dos seus três anos juntos (2010 e 2012), mas em 2011, quando ele terminou como vice-campeão de Sebastian Vettel na tabela de classificação, Button superou seu compatriota por uma margem significativamente maior, 43 pontos, que no final definiu sua vantagem final global.

A vitória de Button no GP do Brasil foi a sua oitava para a McLaren nas três temporadas, mas é Hamilton, com 10 vitórias, quem vence neste quesito lá, embora Button tenha conseguido alguns pódios a mais.

Curiosamente no entanto, nas corridas em que ambos terminaram (37) Hamilton acabou 65% das vezes na frente de Button. Nas classificações a vantagem de Hamilton foi ainda mais pronunciada.

Descontando punições de grid, Hamilton terminou a classificação com o melhor tempo de volta em 44 ocasiões contra 14 de Button, dando ao campeão de 2008 uma taxa de sucesso de 76%. De fato, a pole de Button em Spa continua sendo sua única para a McLaren, enquanto Hamilton acrescentou mais nove para sua carreira desde o início de 2010.

Em termos de abandonos de corrida, Hamilton não conseguiu terminar com mais frequência (13 a 8), mas a maior parte desta diferença pode ser explicada por acidentes ou incidentes ao longo dos três anos, em vez de questões relacionadas com o carro ou a confiabilidade.

Porém, é necessário lembrar que Hamilton, sem dúvida, perdeu três vitórias adicionais por falhas do carro apenas na temporada de 2012, o que o faria vencer Button em todos os requisitos e provavelmente ainda lhe daria seu segundo título mundial, se somada também a provável vitória que ele deixou de ter em Barcelona, quando fez a pole, mas a equipe tinha deixado apenas 700 ml de combustível no tanque quando o regulamento exigia 1 litro para análise de amostra.

Esses problemas advindos da McLaren tiraram 96 pontos de Hamilton somente no ano de 2012 e provavelmente foram decisivos para ele decidir aceitar a proposta da equipe Mercedes para 2013 em diante, de acordo com a BBC.

A estatística que naturalmente mais decepciona e frustra a McLaren foi a falta de títulos mundiais, apesar da consistência que viu Hamilton e Button ganharem quase um terço de suas 58 corridas juntos e terminarem nos pontos em cada grande prêmio – sendo este último um novo recorde da F1 para uma equipe.

Classificação
Tempo mais rápido de classificação: Hamilton 44 / 14 Button
Poles: Hamilton 9 / 1 Button
Primeira fila: Hamilton 23 / 9 Button

Corrida
Vitórias: Hamilton 10 / 8 Button
Pódios: Hamilton 22 / 25 Button
Terminar nos pontos: Hamilton 45 / 47 Button
Abandonos: Hamilton 13 / 8 Button
Resultado melhor em corrida (incl. desistências): Hamilton 32 / 26 Button
Disputa direta: Hamilton 24 / 13 Button

Campeonato
Pontos conquistados: Hamilton 657 / 672 Button
Temporadas terminadas com mais pontos: Hamilton 2 / Button 1
Colocação mais alta no campeonato: Hamilton 4º (2010, 2012) / Button 2º (2011)

Levando tudo em consideração, quem você considera o vencedor desta disputa? Comente abaixo!

AS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.