F1 – Planos para GP na Dinamarca entram em dúvida

Kevin Magnussen

As esperanças de que a Dinamarca tenha seu próprio GP nas ruas de Copenhague sofreram um duro golpe esta semana. A popularidade de Kevin Magnussen colocou o país em um ritmo acelerado para sediar uma corrida.

No entanto, desacordos entre as autoridades municipais e nacionais sobre o financiamento para o evento proposto significam que pode não acontecer. O jornal dinamarquês Politiken citou o ministro das Finanças, Kristian Jensen, dizendo que ele não achava que as propostas atuais fossem razoáveis.

“O governo está preparado para investir algum dinheiro na hospedagem da Fórmula 1 na Dinamarca. Mas não achamos razoável que a cidade em que um evento tão grande possa acontecer também não contribua economicamente”, declarou ele.

Outras cidades dinamarquesas, como Odense, Herning e Horsens, tentam sediar as etapas do Giro d’Italia e do Tour de France. Mas, em cada caso, haviam feito contribuições significativas para os custos, apontou Jensen.

“Pedimos a todas as cidades que façam parte (do financiamento) quando um grande evento esportivo está ali”, disse ele. “Portanto, também é justo que o município de Copenhague faça isso”.

Apesar da oposição de outros partidos políticos no conselho, o prefeito Frank Jensen continuará conversando com o governo, e com o investidor privado Lars Seier Christensen e o ex-ministro Helge Sander.

Acredita-se que a Liberty Media esperava adicionar uma corrida em Copenhague ao calendário de 2020, bem como um novo evento no Vietnã. Os detentores de direitos comerciais da Fórmula 1 esperam realizar um GP em Miami já em 2019.

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.