F1 – Pilotos cautelosos sobre relargadas paradas

quinta-feira, 1 de dezembro de 2016 às 12:20
Largada do GP do Canadá de 2016

Largada do GP do Canadá de 2016

Daniel Ricciardo diz que espera que os fãs vão apreciar a planejada introdução das relargadas paradas “mais emocionantes” após um período de carro de segurança, mesmo admitindo que está pouco interessado na ideia como um piloto.

Durante o fim de semana do GP de Abu Dhabi, as equipes concordaram, a princípio, em introduzir as relargadas paradas depois de um período de carro de segurança – em vez dos reinícios em movimento que sempre foram aplicados – uma mudança destinada a apimentar a competição.

Embora Ricciardo admita que irá potencialmente encontrar controvérsia entre os pilotos, se isso mudar o resultado das corridas nas fases finais, ele admite que irá incentivar os fãs para continuar assistindo até o final e aumentar a audiência.

“É terrível se você tem uma vantagem de 40s, mas ótimo se estiver em segundo lugar”, disse o piloto da Red Bull. “Então, vamos ver. Obviamente, cria mais variabilidade de novo, então se a corrida está parecendo um pouco monótona, então isso poderia definitivamente apimentá-la. Há prós e contras. Eu acho que para os fãs será mais emocionante”.

Lewis Hamilton, entretanto, diz que será uma adição “interessante” para uma corrida, mas aponta que haverá uma desvantagem potencialmente maior para carros em um lado da pista devido aos ‘detritos’ de pneus que se acumulam fora da linha de corrida.

“Não deveria ser muito diferente agora, eu posso imaginar. Eles limpam a pista para a largada então geralmente não há detritos, mas acho que para a relargada também. Isso seria interessante”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.