F1 – Nasr: Estreia descarta zombaria de piloto pagante

domingo, 15 de março de 2015 às 9:51

Felipe Nasr

Felipe Nasr acredita que sua quinta colocação na estreia pela Sauber, no GP da Austrália, mostra que ele não merece ser rotulado como um “piloto pagante”.

O estreante se recuperou de um começo difícil no fim de semana, ofuscado pelo desafio legal de Giedo van der Garde contra a Sauber, para ficar em quinto lugar na sua estreia, batendo o Red Bull de Daniel Ricciardo no processo.

Nasr, que terminou em terceiro lugar na GP2 no ano passado, acredita que seu desempenho foi uma boa resposta para aqueles que acreditam que ele “comprou” um assento no grid de 2015.

“Eu acho que foi uma boa resposta mostrando os resultados na pista”, disse ele em resposta a uma pergunta que estava sendo chamado de piloto pagante.

“Eu não sei de onde essa coisa de piloto pagante veio, porque sempre tive pessoas investindo na minha carreira, minha família nunca teve o dinheiro para fazê-lo. Qual é a diferença entre ser apoiado pela Red Bull pagando pelo seu carro, e ter patrocinadores que querem estar com você?”

“Qual é o problema de ter um patrocinador no meu carro? É estranho ver as pessoas falando sobre isso”.

O brasileiro admitiu ter ficado emocionado no final da corrida.

“Foi uma sensação única, eu não podia pedir melhor”, disse ele. “Foi um sonho tornado realidade. Foram alguns anos difíceis para chegar à F1, e ver a linha de chegada foi um grande alívio”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.