F1 não vai parar com 1 ou 10 casos positivos

Gérard Saillant

A Formula 1 não interromperá o show depois que começar, mesmo se 10 casos positivos do Covid-19 acontecerem, disse o chefe da comissão médica da FIA, Gerard Saillant.

A F1 espera iniciar a temporada 2020 em pouco mais de seis semanas, com duas corridas seguidas na Áustria para começar a temporada.

Os chefes do esporte estão planejando um calendário de 19 corridas, embora isso possa ser reduzido para 17 depois que o governo do Reino Unido declarou que não fará uma exceção do período de quarentena de 14 dias.

A Formula 1 prometeu fazer todo o possível para garantir a segurança de todos os que estão no paddock.

O esporte não apenas limitará o número de pessoas no paddock, como também testará todos a cada 48 horas, além de fazer corridas sem público, pelo menos no início

No entanto, Saillant diz que mesmo se houver testes positivos, o circo continuará.

“Acho que a situação é bem diferente entre Melbourne e agora, porque o conhecimento do vírus é bem diferente”, disse ele à Sky Sports F1.

“É possível prevenir e antecipar muitas coisas.”

“Se tivermos um caso positivo, ou talvez 10 casos positivos, é possível gerenciar perfeitamente. E já temos um caminho especial para os casos positivos.”

“Medicamente falando, não é um problema.”

Mas, embora possa não ser um problema “médico”, seria um pesadelo para a imagem do esporte.

Salliant reconhece que as pessoas começarão a questionar a decisão da Fórmula 1 de correr se houver muitos casos no paddock.

Ele acrescentou que se trata de encontrar a “linha certa” para o que pode ser considerado como muitos.

“Em termos de consequências esportivas e da mídia, é bem diferente”, disse ele.

“Temos que tentar antecipar isso, para saber onde está a linha certa além da qual é impossível continuar.

“Mas acho que não é um problema para nós agora.”

Clique AQUI para fazer suas apostas esportivas

AS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.