F1 – Mercedes espera “aumentos significativos” no som do motor

sexta-feira, 22 de janeiro de 2016 às 12:22

Mercedes

Paddy Lowe, diretor executivo da Mercedes, diz que os novos regulamentos de escape vão apresentar “aumentos significativos” no som do motor.

Uma das maiores críticas feitas aos motores V6 turbos desde a sua introdução em 2014 foi o som mais baixo comparado com os V8 ou V10. Nos últimos dois anos, os turbos têm apenas um tubo de escape na traseira do carro, mas mudanças nos regulamentos dizem que as equipes devem instalar uma ou duas saídas de escape adicionais da válvula de alívio.

A mudança foi feita em uma tentativa de aumentar o som dos atuais motores e provavelmente será um dos maiores pontos de inovação no grid deste ano. Lowe acha que as mudanças foram bem sucedidas, aumentando o som das unidades de potência.

“Nos últimos dois anos nós tivemos uma situação em que os gases do escape principal passam por um tubo”, disse Lowe. “Então nós temos uma coisa chamada válvula de alívio, que é uma maneira de mandar para fora qualquer pressão extra do sistema de escape que não se quer usar pelo turbo”.

“Agora temos de canalizar esta pressão através de um tubo de escape extra separado, e com a intenção de aumentar o som, por isso estamos tentando fazer o motor mais barulhento. Vai funcionar, e vamos ver quão mais alto vai ser. Algumas medições foram feitas em laboratórios e já viram alguns aumentos significativos”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.