F1 – Mercedes curiosa para ver o progresso da Honda

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017 às 12:59
Mercedes e McLaren-Honda

Mercedes e McLaren-Honda

O chefe de motores da Mercedes admitiu estar “curioso” em ver o progresso da Honda no período de inverno.

Enquanto a Mercedes dominou totalmente a era da “unidade de potência”, a Honda notavelmente teve dificuldades em 2015 e 2016 no início da parceria com a McLaren.

E Andy Cowell, que é o chefe do motor da Mercedes, concorda com aqueles que pensam que os motores ainda serão muito importantes quando as regras do chassi e pneus mudarem para 2017.

“Se você está acelerando por um longo período de tempo, a importância do motor, obviamente, aumenta”, disse ele à Auto Motor und Sport.

“Mas agora é o quarto ano com esta geração de motores e todo mundo aprendeu muito. Estou bastante curioso sobre o que as outras fabricantes e especialmente a Honda fizeram”, disse Cowell.

“A Honda está no terceiro ano, estabeleceu seu departamento de desenvolvimento e acumulou muitos conhecimentos, acho que seria o momento de um grande e corajoso passo”.

De fato, a Honda e também a Renault admitiram mudanças fundamentais de projeto para 2017, o que poderia expor a Mercedes ao risco de só ser capaz de ajustar seu motor.

Mas Cowell disse: “O que estamos fazendo é muito agressivo. Então não nos sentamos e fizemos pequenas modificações. Comparadas com anos anteriores, as mudanças são consideráveis”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.